Internet das Coisas (IoT): Fornos inteligentes descontrolados preocupam consumidores

Informações mostram que pelo menos três fornos inteligentes, June Oven, ligaram-se no meio da noite e aqueceram à temperaturas superiores a 200 graus.

Por Tecnologia Pular para comentários

Os proprietários dos fornos June Oven não tem ideia do porque isso aconteceu e o pior, a empresa em um de seus pronunciamentos diz que o erro é do usuário.

Entretanto planeja lançar uma atualização para sanar o problema no próximo mês.

Os casos relatados chegaram através de um grupo fechado no Facebook de usuários dos fornos June Oven.

No primeiro caso, informado em maio, relatando incidentes de pré-aquecimento involuntários, o proprietário informou que o forno ligou sozinho por volta das 2h30 da manhã e chegou a temperaturas superiores a 200 graus, ficando assim por 4 horas, enquanto ele dormia.

Forno inteligente June Oven liga sozinho e aquece a mais de 200 graus - Internet das Coisas precisa de mais cuidadoA descoberta só veio no dia seguinte após verificar as câmeras do circuito interno da casa, que capturou o momento exato em que o forno se ligou iluminando sua cozinha. O forno havia sido utilizado pela última vez na noite anterior, mas devidamente desligado.

No segundo caso, bem similar ao anterior, um membro do grupo de usuários no Facebook contou que usou o forno para assar batatas por volta das 17h e as deixou esfriar dentro do forno, aparentemente ele esqueceu de tirá-las de lá, pois na manhã seguinte, ele acordou e descobriu que o forno havia ligado às 01: 20h da manhã permanecendo funcionando por mais de 4 horas a temperatura superior à 200 graus torrando as batatas que ainda estavam no forno.

No terceiro caso, informado no final de julho, o dono do forno "não tão inteligente assim", foi acordado por uma notificação no smartphone informando que o forno havia pré-aquecido a 200 graus e estava pronto para cozinhar. 

Em todos os relatos, não houve confirmação de acionamento por engano por seus usuários. Embora a empresa tome isso como uma verdade, está trabalhando em uma forma de bloquear funções do forno.

Na mesma época do relato acima, Van Horn, CEO da empresa, publicou no grupo do Facebook que a equipe da June leva o "pré-aquecimento acidental a sério" e que eles estavam trabalhando para resolver o problema.

Van Horn diz que a equipe lançará uma atualização em setembro que permitirá aos proprietários desativar o pré-aquecimento remoto. No entanto, o pré-aquecimento remoto chega como padrão. Permitir que os proprietários desativem a função de pré-aquecimento remoto pode ser o primeiro passo para resolver esses problemas.

Esse é mais um caso daqueles que nos faz pensar como a tecnologia que pode nos ajudar em muitas coisas, pode também causar sérios danos. Fabricantes e usuários devem sempre ter a possibilidade de interagir de forma que não permitam o uso totalmente automático de equipamentos. 

Fornos ligando sozinhos, carros autônomos atropelando pessoas... Segurança acima de tudo, esse deveria ser o lema, mas a busca desenfreada por entregar inovação sempre na frente do concorrente pode gerar mais problemas que solução. 

Compartilhe com seus amigos:
Bernardo Silva
Bernardo Silva Louco por tecnologia, amo velocidade e sou apaixonado por comida.
FACEBOOK // INSTAGRAM: @androidplaceblog // TWITTER: @bgssilva
Quer conversar com o(a) Bernardo, comente:
Carregar comentários
Quantos celulares a Motorola tem em linha?
5(15,36%)
10(57,26%)
15(11,69%)
20(7,93%)
26(7,76%)