Huawei e Microsoft: Matebook sem Windows e Huawei fora do catálogo de servidores Azure Stack

A maior produtora de software do mundo ainda não comentou sobre a remoção da licença da Huawei para usar o sistema operacional Windows, mas não mostra a Huawei em sua lista de licenciados.

Por | @bgssilva Tecnologia Pular para comentários

Desde que o governo dos Estados Unidos adicionou a Huawei Technology à sua lista negra, só aparecem notícias ruins para a Huawei.

Algumas empresas e associações abortaram negociações com a Huawei. Empresas como AMD, ARM, Google, Intel, Qualcomm, etc. suspenderam a cooperação com a Huawei.

Associações como Wi-Fi Alliance, JEDEC (Associação de Tecnologia de Estado Sólido), SDA (Associação SD) e padrão PCIe também cancelaram a participação da Huawei. Além disso, o Huawei Mate 20 Pro foi retirado do programa Android Q beta.

Agora, a Microsoft também entrou para a lista de empresas que retiraram a Huawei de sua lista de parceiras.

Azure StackAzure Stack

A Microsoft removeu a Huawei Technologies de um de seus sites que oferecia equipamentos na nuvem, uma semana depois que o governo dos EUA colocou na lista negra a empresa chinesa.

No site do produto Azure Stack, o logotipo da Huawei ainda está presente na página principal, mas a empresa e suas ofertas foram removidas do catálogo de produtos.

A Huawei é um dos vários fornecedores de hardware que produzem servidores e equipamentos para o produto Azure Stack da Microsoft, que ajuda as empresas a executar aplicativos de software em um serviço de nuvem híbrida ou em seus próprios data centers.

O catálogo mostra aos clientes quais servidores e outros hardwares estão disponíveis e são compatíveis com o Azure Stack.

O porta-voz da Microsoft, Frank Shaw, recusou-se a discutir quais ações a Microsoft tomará para cumprir as restrições impostas à Huawei e que ele não poderá ser contatado imediatamente para comentar a mudança do catálogo.

Os investidores e a indústria esperam observar de perto como as empresas de tecnologia dos EUA alteram suas relações com a Huawei para cumprir a diretiva e qual o impacto dessas mudanças na empresa chinesa e seus parceiros.

Huawei Matebook 

De acordo com informações, a equipe de serviço da sede da Microsoft em Shenzhen foi retirada e a Microsoft parou de aceitar novos pedidos do sistema Windows da Huawei.

Matebook sem Windows 10Matebook sem Windows 10

O Huawei MateBook foi lançado com novo design que chamou atenção, trazendo inovação para o mercado de PCs, mas por ser inseparável do sistema operacional Microsoft Windows 10, agora passa a enfrentar mais um problema. A Microsoft parou de fornecer novos pedidos para a Huawei MateBooks.

Atualmente você pode conseguir comprar aquele Matebook que está na prateleira e nos estoques de lojas on-line, mas para o futuro, parece que não teremos Matebooks com Windows 10 saindo da fabrica. Além disso, os serviços da Huawei relacionados aos sistemas Windows também foram interrompidos pela Microsoft. Ao serem questionadas a respeito, Microsoft e a Huawei não entraram em detalhes a respeito.

siga Oficina da Net no Instagram