Oficina da Net Logo

UE deve testar detector de mentiras em locais de fronteira

Caso o sistema reconheça veracidade nas respostas, o viajante irá receber um código QR que irá permitir a passagem.

Por | @oficinadanet Tecnologia Pular para comentários

A UE deve começar testar em breve detectores de mentira em AI em postos de controle de patrulha de fronteira. O programa, nomeado iBorderCtrl, será utilizado por seis meses em quatro pontos de passagem de fronteira na Hungria, Letônia e Grécia com países fora da União Europeia, afirma o Gizmodo.

O iBorderCtrl trata-se de um projeto financiado pela UE que usa a AI para facilitar as travessias de fronteira mais rápida para os viajantes. O sistema faz com que os viajantes preencham um aplicativo online e concluam o upload de alguns documentos, como passaporte.

UE deve testar detector de mentiras em locais de fronteira.UE deve testar detector de mentiras em locais de fronteira.

Conforme o New Scientist, algumas perguntas incorporadas são: “O que está na sua mala?” E “Se você abrir a mala e me mostrar o que há dentro dela, ela confirmará se as suas respostas eram verdadeiras?”. As pessoas terão que conceder as respostas diante a uma câmera, e o sistema fará uma análise da situação. Leia em destaque: Como usar a tecnologia para diminuir a ansiedade?.

Caso o sistema reconheça veracidade nas respostas, o viajante irá receber um código QR que irá permitir a passagem. Porém, se houver qualquer suspeita de que esteja tentando mentir, ele receberá informações biométricas, incluindo as impressões digitais, leitura de veias da mão e correspondência de rosto. Isso tudo antes de ser passado a um agente humano que irá avaliar as informações.

O programa ainda é experimental, por conta disso, ele não irá impedir alguma pessoa de passar a fronteira. Em testes anteriores, a taxa de sucesso foi de 76%, porém, um membro do programa disse que eles estão mais confiantes e que a expectativa é que o programa tenha taxa de 85% de sucesso agora.

Como podemos perceber, a tecnologia está sendo cada vez mais usada, e a IA é o foco principal.

Fonte: Gizmodo

Comentários
Carregar comentários
  • PARTICIPE DA NEWSLETTER

    As novidades de tech no seu
    e-mail, inscreva-se grátis ;)