Papa quer proibir uso de smartphones por padres durante a missa

Papa Francisco costuma ser visto pelos fiéis como uma pessoa com a mente bastante aberta.

Por | @oficinadanet Tecnologia

No início do ano, o papa Francisco que disse para que os fiéis amem a Bíblia tanto quanto amam os seus smartphones, parece que não anda muito satisfeito com os aparelhos.

Conforme a Rádio do Vaticano, o Papa Francisco não anda gostando que os padres e bispos estejam utilizando os smartphones durante as missas.

Papa quer proibir uso de smartphones por padres durante a missa.Papa quer proibir uso de smartphones por padres durante a missa.

Leia também:

“Chega um certo ponto que o padre está liderando uma cerimônia e diz: 'levante vossos corações'. Ele não diz 'levante seus telefones móveis e tirem fotografias (...) É tão triste quando estou celebrando uma missa aqui na basílica e eu vejo um monte de telefones sendo levantados - não apenas os fiéis, mas também os padres e os bispos! Por favor! A missa não é um show", disse o papa.

Vale mencionar que em 2014, o Papa reclamou que muitos jovens andam gastando tempo demais com os seus smartphones, e que isso deveria ser feito com mais sabedoria.

No ano passado, ele pediu para que as pessoas larguem um pouco os seus aparelhos, pois a felicidade não é um aplicativo que pode ser baixado. Ele ainda comentou que a felicidade não é uma atualização que vai trazer liberdade ou mesmo grandiosidade no amor.

Mesmo assim, o Papa Francisco é visto pelos fieis como uma pessoa com a mente bastante aberta e personalidade humilde. Ele costuma também usar as redes sociais para publicar mensagens, sendo que já possui mais de 14 milhões de seguidores no Twitter e ainda cerca de 5 milhões no Instagram.

Mais sobre: redes-sociais smartphones papa
Share Tweet
Recomendado
Comentários
Destaquesver tudo