Coração artificial feito em impressora 3D funciona como se fosse real

Futuramente, coração artificial poderá ser usado por pessoas que aguardam um transplante cardíaco.

Por | @RafaelaPozzebon Tecnologia

Nesta sexta-feira (14), cientistas do Instituto Federal de Tecnologia de Zurique, na Suíça, divulgaram um vídeo que exibe os primeiros testes realizados com um coração artificial.

O “órgão” foi elaborado em silicone através de uma impressora 3D. O modelo conta com válvulas, artérias, ventrículos e até um músculo artificial capaz de realizar o bombeamento de sangue. Para completar, ele possui o tamanho de um coração orgânico e pesa apenas 390 gramas.

No vídeo mostrado pelo instituto é possível ver o coração batendo como se fosse um órgão real, bombeando um fluido com a mesma densidade e viscosidade do sangue humano.

Coração feito em silicone. Coração feito em silicone.

O músculo interno é inflado por ar pressurizado, deste modo, realiza a movimentação de contração e descontração do batimento cardíaco. Até então, o modelo consegue realizar 3.000 batidas antes de começar a desmontar. Em uma pessoa, a quantidade equivale a 45 minutos de vida.

O teste em questão foi feito para que os cientistas pudessem avaliar a durabilidade do material empregado, no caso, o silicone, no coração artificial.

Conforme o site Gizmodo, o objetivo do teste foi alcançado com sucesso, já que ele prova que o sistema construído por uma impressora 3D funciona em um nível fundamental, mesmo que não esteja pronto para ser utilizado em um ser humano.

Agora, a expectativa é aprimorar o trabalho para que o coração artificial possa ser usado em pacientes que aguardam um transplante cardíaco.

Mais sobre: tecnologia, ciencia, saude
Share Tweet
DESTAQUESRecomendadoMais compartilhados
Comentários
  • ASSINE NOSSA NEWSLETTER

    As melhores publicações no
    seu e-mail

  • Preencha para confirmar