Huawei aguarda autorização oficial para retomar o uso do Android

Na cúpula do G20, o presidente Trump anunciou que as empresas norte-americanas continuarão vendendo para a Huawei. Produtos que estão "amplamente disponíveis" (incluindo microchips) estão desimpedidos.

Por Smartphones Pular para comentários
Huawei aguarda autorização oficial para retomar o uso do Android

Após a ótima notícia para a Huawei sobre o cancelamento do embargo comercial junto as empresas americanas, agora a Huawei segue aguardando notícias do Departamento de Comércio dos EUA sobre a liberação de uso dos serviços da Google vinculados ao Google Play Services for Android.

Ainda não está claro se esses serviços podem ser classificados como "amplamente disponíveis".

O principal fator para determinar o retorno de uso dos serviços da Google, é o entendimento do Departamento de Comércio dos EUA em relação a questão de segurança nacional.

Vale lembrar que o prazo para a proibição, a se contar da data inicial do embargo e, o período indicado para que tais questões fossem resolvidas, ainda não acabou. Logo ainda temos mais de um mês para o Departamento de Comércio tome uma decisão a respeito da liberação ou não do retorna da parceria comercial entre as empresas. 

Huawei Mate XHuawei Mate X

Enquanto isso, a Huawei e seus parceiros comerciais estão fazendo lobby para suspender a proibição. Inclusive a Google já havia entrado em contato anteriormente alertando o governo sobre o fato de que um novo sistema, feito pela Huawei para seus dispositivos, fugiria ainda mais do controle sobre o que no sistema, estaria sendo alterado e de que forma isso traria ainda mais riscos à segurança dos dados enviados e recebidos pelos dispositivos da Huawei.

Independente disso, mesmo que a proibição seja suspensa antes do previsto (expira em 19 de agosto), ela teve um grande efeito sobre as linha de produtos da Huawei - a empresa está adiando lançamentos de peso, como os novos laptops MateBook e o dobrável Mate X (aqui o atraso é estratégico, oficialmente o smartphone teve seu lançamento adiado para ser lançado com conectividade 5G).

Além disso a Huawei provavelmente continuará trabalhando no seu sistema baseado no Android, o ArkOS, mesmo que a parceria com a Google volta ao normal. O embargo comercial sofrido junto aos EUA gerou grande prejuízo e fez com que a Huawei iniciasse sua busca por novos mercados e parceiros, então mesmo que tudo volte ao normal, acredito que a empresa, se fortalecerá ainda mais e, evitará que no futuro problemas semelhantes atinjam a empresa com tanta  força.

Compartilhe com seus amigos:
Bernardo Silva
Bernardo Silva Louco por tecnologia, amo velocidade e sou apaixonado por comida.
FACEBOOK // INSTAGRAM: @androidplaceblog // TWITTER: @bgssilva
Quer conversar com o(a) Bernardo, comente:
Minha foto
    Últimas notícias