Review headset Logitech G435 | O bom, o mau e o feio

Apesar do G435 ser o headset wireless mais barato da Logitech, o produto ainda custa bastante dinheiro. Será que vale mesmo a pena investir no G435?

Logitech G435 Wireless
Logitech G435 Wireless

Nessa review, analisarei o novo headset sem fio da Logitech, o G435! Promete um som nítido e poderoso num formato wireless, pequeno, ultra-leve e fabricado com materiais sustentáveis. Estou utilizando esse headset diariamente já a dois meses, e nessa review eu vou te dizer se ele cumpre tudo que promete.

Construção Externa e Design

O G435 chama bastante atenção por ter esse visual "excêntrico". Você pode escolher por três modelos de cores diferentes: Off White e Lilac, Black e Neon Yellow e o que recebemos para review, o polêmico Blue e Raspberry.

.
O Logitech G435 em Off White e Lilac, Black e Neon Yellow e Blue e Raspberry

Pelo visual ser tão diferente, passei o G435 entre meus colegas (homens e mulheres) de escritório, fazendo uma pequena pesquisa. Metade deles disseram gostar do visual. Já a outra metade detestou. Os comentários foram bem polarizantes: uma pessoa falava "achei ele bem bonitinho, é diferente" e a outra retrucava com "eu não teria coragem de usar isso na rua". Foi uma dinâmica interessante, e os comentários na internet não diferem muito disso. Metade gosta, metade detesta.

O @batatabonito não curtiu o visual do G435
O @batatabonito não curtiu as cores do G435

Já a minha opinião referente ao visual do G435? Não sei dizer, pois está sempre mudando. Quando o tirei da caixa e vi pela primeira vez, dei risada. Parecia ser um brinde do McLanche Feliz ou algo do tipo. Com o tempo, fui acostumando com o visual - cheguei até a gostar. Hoje, não consigo decidir se o acho bonito ou não, e sinto que minha opinião mudaria até o fim da review, então ao invés disso, irei simplesmente parabenizar os designers da Logitech, vocês criaram um produto com o visual bem interessante.

Conforto

Apesar do headset ser "otimizado para o conforto dos jogadores mais jovens e daqueles com cabeças menores", adultos com cabeças acima da média podem utilizá-lo sem problema algum. O G435 é possivelmente o headset mais confortável que já usei, por uma série de fatores:

  • Earcups ovais (a orelha inteira fica dentro do compartimento);
  • Espuma "viscoelástica" de alta qualidade;
  • Estrutura do fone é flexível e não aperta a cabeça;
  • O peso de apenas 165 gramas;
  • Nenhum fio para te atrapalhar;

Infelizmente o produto não acompanha espumas extras para substituição.

.
É tão leve e confortável que na maior parte do tempo eu esqueço que estou usando uim fone

O fone não possui espumas na parte superior, onde encosta a cabeça. Mas não fazem falta, pois como dito antes, o fone é extremamente leve.

A parte interna das Earcups não é forrada e o plástico cru fica exposto. A minha orelha não chega a encostar (como acontece no Cloud Stinger), mas é meio tosco a Logitech ter economizado nessa parte. O contato com o driver de audio é direto - sujeira e fios de cabelo adentram o espaço dos drivers.

.
Se você comprar esse headset, eu recomendo colar algum tecido protetor nessa parte

Por sua estrutura ser inteiramente de plástico, o fone é bem leve, mas também aparenta ser "barato" e frágil. O sentimento que eu tenho ao manuseá-lo é de que vou quebrar algo a qualquer momento. Não aconteceu durante o período em que o testei, mas se alguma parte quebrar ou parar de funcionar, atualizarei esse parágrafo da review, assim como fazemos em todas as outras. Os periféricos que são enviados para review geralmente ficam aqui, e são utilizados pela nossa equipe até virarem pó.

O ajuste de altura aparenta ser muito frágil e solto. Não é um ajuste táctil, a alça simplesmente desliza num eixo, com pouca resistência. Apesar disso, gostei desse sistema: Você retira o headset da cabeça e o põe na menor configuração para facilitar o transporte. Depois, o coloca na cabeça e ajusta ao formato. Tudo isso é feito em segundos.

Ajuste de altura
Ajuste de altura

Conexões

O G435 é um headset sem fio. Temos duas formas de nos conectarmos aos aparelhos, a própria da Logitech, denomeada conexão Lightspeed e através do pareamento Bluetooth. Descrevo abaixo como funcionam.

Lightspeed

Ele consta com a tecnologia Lightspeed da Logitech - uma espécie de peer-to-peer wireless utilizando o dongle USB que enviam junto com os periféricos.

Para utilizar esse sistema é simples, conecte o dongle USB no seu aparelho e pressione o botão inferior do headset por poucos segundos, até que fique da cor ciano. Essa luz indica que ele foi conectado ao Lightspeed.

Essa tecnologia é compatível com PC, Mac, Playstation 4 e 5. Até onde eu sei, não é possível utilizar a conexão Lightspeed em consoles da Microsoft, Xbox One, Series S, etc.

A conexão é excelente e eu a recomendo sempre que possível. A distância é considerável e não sofre interferências como o bluetooth.

Bluetooth

Para conectar-se através do bluetooth, pressione os botões de liga/desliga e mudo por alguns segundos, até o led ficar piscando em azul - significando que está em modo de pareamento. Depois disso você pode conectar-se ao dispositivo.

O G435 só pode ser conectado a um dispositivo por vez, como era de se esperar.

Um detalhe interessante é que o Dongle USB muda de cor conforme o modelo que você escolheu, o nosso é azul
Um detalhe interessante é que o Dongle USB muda de cor conforme o modelo que você escolheu, o nosso é azul

Cabo

A caixa acompanha um cabo USB tipo C para recarregar o headset. Ele tem aproximadamente 1.8 metros de comprimento e é de borracha. Ele transmite apenas energia, não é possível transmitir som pelo cabo USB do G435.

Cabo USB tipo C - É simples, mas já vi borrachas piores
Cabo USB tipo C - Infelizmente não temos paracord aqui, mas pelo menos é uma borracha flexivel

Botões

Temos os seguintes botões: botão liga/desliga, botão aumentar volume, botão diminuir volume e embaixo o botão de mutar o microfone. No manual de instruções você encontra as funções que podemos utilizar, como alternar entre bluetooth e lightspeed (segurar o botão mudo), ativar o retorno de voz (apertar duas vezes no botão mudo), verificar a bateria (apertar uma vez no botão liga e desliga enquanto ele está ligado), dentre outras funções.

G435 e seus botões
G435 e seus botões

Microfone

Ele possui dois microfones, um na frente e outro atrás, embutidos na carcaça do headset. O microfone traseiro é utilizado para cancelamento de ruído, e o frontal para captar a voz do usuário.

Os dois microfones do G435
Os dois microfones do G435

Lamento dizer, mas o microfone é péssimo - um dos piores que já usei. O som estoura facilmente e parece que estou falando de dentro de uma lata de tinta. Dá pra entender o que está sendo dito, mas a qualidade é muito baixa. Quando conectado em lightspeed a situação melhora um pouco, mas ainda assim, fiquei bem decepcionado.

Abaixo, aperte play e escute um trecho que gravei utilizando o microfone do G435, tanto em lightspeed quanto bluetooth:

Som

A parte mais importante da review. Por ser um produto wireless e voltado para games, esperávamos que o fone tivesse pouco grave, mas não, os graves são satisfatórios. Os médios são intensos: você consegue ouvir as calls de seus aliados durante o tiroteio nos jogos. Mas, por consequência, as vozes nas músicas acabam se sobressaindo. Isso tudo são detalhes. É muito difícil descrever áudio, e os meus ouvidos não são os mais bem treinados do mundo. Mas, utilizando minhas referências, para um fone wireless, o G435 possui uma boa qualidade sonora. Não é um headset para entusiastas de áudio e nem promete ser, mas para pessoas comuns que querem simplesmente plugar e ouvir, funciona bem.

Apesar de ser wireless e ter drivers relativamente pequenos (40mm), o som é bem potente. O volume máximo chega a ser desconfortável, principalmente se você retirar o limite dos 85 decibéis.

;
Instruções de aumentar o limite de volume máximo do G435. Fonte: Logitech

Software

Por incrível que pareça, o G435 não possui suporte com o software G-HUB da Logitech, nem com qualquer outro programa!

E... é isso? Melhor manter o manual de instruções por perto, pois a única forma de configurar o headset é apertando os botões manualmente.

Bateria

O headset se auto desliga depois de 30 minutos de inatividade, bastante tempo. Eu gostaria de configurá-lo para desligar mais cedo e economizar bateria, mas infelizmente isso não é possível.

Para checar a duração da bateria. faça o seguinte:

Aperte o botão Liga/desliga 1x com o headset ligado:

  • Led verde por 5 segundos: Bateria de 31% à 100% de carga;
  • Led vermelho por 5 segundos: Bateria entre 15% e 30% de carga;
  • Led vermelho piscando: Bateria entre 1% e 15% de carga;

Funciona também se conectarmos o aparelho via bluetooth, mas, em minha experiência, esse número não é confiável.

Segundo a Logitech, a bateria do headset dura incríveis 18 horas de reprodução. Não cheguei a fazer um "teste de bateria", deixando-o ligado tocando música, pois esse não é um cenário convencional de uso. Mas durante o meu tempo utilizando ele, notei que a bateria dura aproxidamente cinco dias de uso - cerca de oito horas por dia de utilização intermitente. Bem impressionante, ainda mais para um headset tão leve.

A bateria com certeza é um dos pontos mais fortes do G435. Além dela durar batante tempo, o processo de recarga do headset dura aproximadamente 1 hora (conectado por USB no computador).

Neutralidade de Carbono

Grande parte do marketing do produto foi destinado a sustentabilidade, então senti a necessidade de incluir na review. Apesar de não ser algo que eu consiga "testar", vale ser dito que esse produto afirma ter responsabilidade com o meio ambiente - do plástico reciclado até a caixa feita de madeira reflorestada.

Especificações técnicas

  • Peso: 165 gramas
  • Dimensões: 163×170×71 mm
  • Drivers de áudio: 40 mm
  • Resposta de frequência: 20 Hz - 20 kHz
  • Impedância: 45 ohms (passivo)
  • Sensibilidade: 83,1 dB SPL/mW
  • Volume máximo: <100 dB com limitador opcional a <85 dB

Conclusão

A minha maior preocupação com esse headset é o quesito da durabilidade. É um produto que obrigatoriamente tem de ser resistente, já que será manuseado o tempo todo: Tira da cabeça, larga na mesa, senta em cima dele no sofá sem querer, dorme usando o fone e ele cai da cama, etc. Acidentes inevitavelmente vão acontecer conforme você utiliza o produto diariamente, e eu questiono se o G435 "aguenta o tranco".

O G435 não aparenta ser resistente
Não aparenta ser um headset resistente

O G435 sofre de um dilema: Lá fora, ele custa aproximadamente 80 dólares. É considerado um headset wireless "budget" - o famoso "custo benefício". Na conversão direta, custaria cerca de 380 reais. Nesse preço, a existência do G435 faz mais sentido. Enquanto digito isso, é possível comprá-lo no Aliexpress por esse exato preço, com frete e devolução grátis, mas claro, você corre o risco de ser taxado.

Ainda não tive oportunidade de testar muitos headsets wireless, mas comparado a headsets cabeados, o Logitech G435 não deixa a desejar. O problema é o preço. No momento o encontramos por aproximadamente R$ 550,00 nas grandes lojas. É o headset wireless mais barato da Logitech, mas continua custando bastante dinheiro.

Resumindo: A qualidade de som do G435 é ótima, a bateria dura muito tempo e carrega em uma hora. As conexões são boas, o fone é extremamente confortável e portátil (por ser pequeno). Entretanto, o microfone é ruim (especialmente em bluetooh) e o produto não me passa confiança de durabilidade. Estou muito curioso para saber como esse fone se sai com um ano ou mais de uso. Se durar, eu diria que vale o investimento. Se você procura um headset wireless mas não curtiu esse da Logitech, eu diria que o principal concorrente do G435 é o Sennheiser HD 250BT, que no momento está em promoção, custando apenas R$ 249,90.

Eu pessoalmente fiquei bastante interessado em comprar o G435. A experiência de utilizá-lo no dia-a-dia é excelente. Aguardarei uma grande promoção, e de preferência, nas cores Black e Neon Yellow (sim, sou chato).

G435
G435

Muito obrigado por ter lido até aqui! Gostou da review? Comprou ou planeja comprar o G435? Conhece um headset que compense mais? Deixa um comentário pra mim aí embaixo!

Perguntas frequentes

O headset Logitech G435 funciona no Xbox?

Acredito que apenas em bluetooth. A conexão Lightspeed da Logitech não é compatível com nenhum console da Microsoft.

Quanto tempo dura a bateria do Logitech G435?

A Logitech diz que 18 horas, mas em nossos testes só conseguimos X horas.

O headset Logitech G435 é bom?

Sim. Funciona muito bem e cumpre o que promete.

Quando lançou o headset Logitech G435?

Foi lançado em 2022.

O headset Logitech G435 funciona no celular?

Sim. Através da conexão bluetooth.

O headset Logitech G435 possui suporte em software?

Não. Infelizmente a Logitech não o fez compatível com o G-HUB.

Adeus Google Pay; Olá Google Wallet no Android 13; Entenda

Comentários
Minha foto
Insira um comentário