Intel anuncia abandono da fabricação de placas-mãe

Empresa confirma que 2013 é o último ano de fabricação de placas-mãe. Modelo Haswell deverá ser o último criado pela companhia.

Por | @alexscs Hardware

A Intel anunciou oficialmente, nessa quarta-feira (23), o fim da fabricação de placas-mãe para desktops. A decisão foi tomada devido à forte concorrência do ramo (as vendas de computadores de mesa cai ano após ano), perda de mercado para a Qualcomm e para focar seus esforços em dispositivos móveis e portáteis. Ou seja: game over para PC gamers.

O modelo Haswell, processadores Intel Core de quarta geração, será o último a receber uma placa-mãe compatível da Intel. Porém, apesar de abandonar as placas-mãe, a companhia continuará a fabricar chipsets para outros fabricantes, como a Asus, ASRock e Gigabyte. Conseqüentemente, com a saída da Intel, essas três potências devem ganhar ainda mais mercado ao redor do globo.

A boa notícia para os trabalhadores dessa divisão da empresa é que ninguém perderá o emprego: todos serão direcionados para outros setores, para que possam continuar seus trabalhos. Também, a Intel continuará desenvolvendo alguns modelos de referência para ultrabooks e tablets, além de placas-mãe que poderão ser usadas de base para que outros fabricantes não percam a qualidade nos próximos anos.

Apesar de surpreender os usuários, a Intel já havia dado uma amostra de seus novos produtos na CES 2013. Ultrabooks baratos e aparelhos com touchscreen deverão ser a prioridade, além de provar ao público que isso não é crise, e sim estratégia. Resta esperar e ver qual o resultado da jogada...

Mais sobre: intel placa-mãe
Share Tweet
Recomendado
Comentários
Carregar comentários
Destaquesver tudo