HandBrake: Versão para Mac tem malware

Segundo os criadores do software HandBrake o programa ficou vulnerável e foi infectado por malware.

Por | @fsbeling Segurança digital

Durante o período de 02 a 06 de maio, um dos servidores que disponibilizaram HandBrake versão 1.0 que chegou no final do ano passado, passou durante sua instalação a aplicar uma versão com malware OSX.PROTON., o alerta de que algo estava errado surgiu da própria empresa do software.

A infecção com o malware Proton, um RAT, que através de uma assinatura digital conseguiu passar despercebido pelos usuários que fizeram a instalação da versão HandBrake na primeira semana de maio.

HandBrake: Versão para Mac tem malwareEste software malicioso realiza danos, alterações e até mesmo roubo de informações podendo ser confidenciais ou não através de sua infiltração no sistema do computador. Ele coleta senhas criptografadas no Acesso às Chaves (Keychain Acess) do Mac infectado, além dos cookies e também de outras informações particulares encontradas em seu navegador de internet.

Para aqueles que baixaram a versão afetada 1.0.7 do HandBrake, conhecida para conversão de vídeos, se aconselha verificar se o em seu computador está livre de problemas. Segundo a empresa, o caso do malware foi resolvido rapidamente, mas todo cuidado é válido.

Uma análise realizada pela Intego, o próprio serviço de hospedagem da HandBrake teve a invasão dos arquivos de dowload, além disso, foi usado para controlar todos os Macs que foram infectados recebendo os arquivos que o malware conseguiu coletar.

Como saber se você infectou ou não seu Mac, se você baixou a nova versão entre os dias 02 e 06 de maio, há uma grande possibilidade disto ter acontecido, pois foram nestes dias que a versão infectada estava sendo instalada,  veja abaixo como verificar:

  • Vá em Aplicativos e depois em Utilitários
  • Agora abra o app nativo Activity Monitor (monitor de atividade)
  • Procure por Activity_agent (caso ele não apareça no seu Mac, pode ficar tranquilo, não foi infectado pelo malware)

O recomendado é que o HandBrake seja removido do macOS e que no porta-chaves e nos browsers sejam alteradas as senhas, para que você tenha segurança novamente. Assim como as salvas em sites do seu navegador, é aconselhável realizar a troca, como precaução.

Mais sobre: handbrake, Mac, software
Share Tweet
DESTAQUESMais compartilhados
Comentários
  • ASSINE NOSSA NEWSLETTER

    As melhores publicações no
    seu e-mail

  • Preencha para confirmar