Criador da Siri afirma que inteligência artificial irá aumentar memória humana

Inteligência Artificial poderá ser usada para aumentar a memória das pessoas.

Por | @oficinadanet Tecnologia

Um dos desenvolvedores da assistente virtual Siri, Tom Gruber, durante uma conferencia do TED 2017, disse que a inteligência artificial poderá ser utilizada para aumentar a memória humana.

"E se você pudesse ter uma memória que fosse tão boa quanto a memória do computador e fosse sobre sua vida?", perguntou o desenvolvedor ao público. "E se você pudesse se lembrar de cada pessoa que você já conheceu? Como pronunciar seu nome? Os detalhes das suas famílias? Seus esportes favoritos? A última conversa que você teve com eles?”

Tom GruberTom GruberDe acordo ainda com Gruber, a inteligência artificial poderá ser usada para catalogar as nossas experiências e melhorar a nossa memória. Uma das principais razões é porque os dados sobre as mídias que consumimos e as pessoas com quem conversamos estão disponíveis na internet e ainda os smartphones que podem ser capazes de mediar nossas vidas.

Gruber diz que o aprimoramento de memórias através da Inteligência Artificial poderá mudar alterar a vida daqueles que sofrem de Alzheimer e ainda outras demências.

A ideia de armazenar de forma digital a memória parece meio absurda, até causa um certo desconforto, porém, a tendência pode ser essa mesma. Na semana passada, por exemplo, Mark Zuckerberg revelou a ideia de desenvolver sensores não-invasivos capazes de ler as atividades cerebrais das pessoas e ainda traduzir os pensamentos para o computador.

Mais sobre: siri apple inteligencia artificial
Share Tweet
Comentários
Carregar comentários
Destaquesver tudo

Siga nossas contas no Twitter