Marte receberá escudo magnético para abrigar vida humana

NASA divulga ideia ambiciosa que pode viabilizar a colonização humana em algumas décadas.

Por | @Evilmaax Ciência

Há não muito tempo a NASA confirmou que Marte já teve água em sua superfície. A notícia, claro, foi empolgante, mas levantou uma segunda questão: onde foi toda essa água.

A resposta é simples: O planeta, que tinha uma atmosfera – assim como nós – de tanto ser bombardeado por raios solares, ficou sem a mesma, e, consequentemente, sem sua proteção natural. Com o passaor do tempo, e suscetível à incidência solar, os rios e fontes de água foram para o ralo (com o perdão do trocadilho).

Hoje, sem um ecossistema regulado a temperatura de Marte (que está “1 planeta” mais longe do sol do que nós) fica, em sua maior parte do tempo, em cerca de -55°, em outras palavras: Tá bem difícil de receber os humanos por lá.

Ou pelo menos, estava. Pois a NASA tem um plano: Criar um campo magnético artificial no planeta e, assim, gerar um ambiente que possa acolher a vida.

Atualmente o solo marciano é árido e o clima passa dos 55° negativosAtualmente o solo marciano é árido e o clima passa dos 55° negativos

A ideia foi anunciada no Planetary Science Vision 2050 Workshop, no início do mês de março, e, se tudo der certo, a atmosfera será lenta e gradualmente recuperada.

Como o nome do evento já diz, nele discutem-se assuntos e iniciativas que podem ser implantadas no Planeta Vermelho até a metade deste século. Assim, se esta teoria sair do papel até lá, eles acreditam que em cerca de 3 ou 4 gerações o clima já esteja pronto para receber humanos, já que, de acordo com suas pesquisas, 100 anos seria o tempo necessário para que a atmosfera se regenerasse ao ponto de tornar Marte habitável.

As previsões são bastante otimistas: Em poucos anos Marte alcançaria metade da pressão atmosférica terráquea e a sua temperatura seria impactada imediatamente, esquentando em cerca de 5°. Sim, ainda seria de -50°, mas esse leve aquecimento já seria o suficiente para que os polos descongelassem e alguns bolsões de água surjissem. Cogitasse que até 1 sétimo dos oceanos de Marte possa retornar com esse leve aquecimento.

Hoje, um campo magnético capaz de envolver um planeta inteiro parece bastante complicado, é claro, mas os pesquisadores ressaltaram que projetos em menor escala já estão em andamento e mostrando bons resultados. Resta lembrar que as próprias espaçonaves e a Estação Espacial Internacional já contam com um escudo magnético que os protegem da radiação cósmica.

Fonte 

DEIXE SEU COMENTÁRIOComente aqui
MAIS SOBRE nasa marte elonmusk
RecomendadoEnquete
Qual navegador você usa?
Chrome(40,15%)
Edge(24,82%)
Firefox(10,95%)
Opera(12,41%)
Safari(11,68%)
Assine a nossa newsletter

COMENTÁRIOS

COMENTÁRIOS

Comentários