Em 1000 anos, a existência humana vai acabar, afirma Stephen Hawking

Hawking, de 74 anos, em várias declarações já revelou seu lado pessimista em relação a humanidade.

Por | @oficinadanet Tecnologia

O futuro da raça humana é um tema recorrente, muitas previsões já foram feitas para a humanidade ao longo dos anos. O físico Stephen Hawking, no entanto, surpreendeu ao dizer que a extinção humana não deverá demorar muito para acontecer: não mais do que 1 mil anos.

Em 1000 anos, a existência humana vai acabar, afirma Stephen Hawking
As declarações do cientista não costumam ser nada otimistas em relação ao futuro da humanidade. E você, também acredita que ela poderá ser extinta?

Leia também:

A declaração do cientista foi feita durante um discurso na Universidade de Oxford, no Reino Unido. Segundo ele, a humanidade não irá durar mais do que um milênio caso não encontre uma forma de “escapar do nosso frágil planeta”. “Precisamos continuar a ir para o espaço pelo futuro da humanidade”, disse ele. Lembrando para que os estudantes olhem “para as estrelas, e não para os pés”, disse ainda.

Hawking, de 74 anos, em várias declarações já revelou seu lado pessimista em relação a humanidade. Entre as ameaças citadas por ele estão o desenvolvimento de armas biológicas como vírus geneticamente modificados ou mesmo guerras nucleares.

A NASA tem trabalhado para descobrir outros possíveis planetas fora do nosso Sistema Solar, que podem ser parecidos com a Terra. A tarefa não é fácil, já que mesmo as estrelas mais próximas da Terra estão a anos-luz de distância, deixando a viagem extremamente longa.

O professor disse ainda que os próximos 100 anos serão os mais preocupantes, já que devem definir as nossas atitudes espaciais. Ele não acredita que antes disso teremos colônias espaciais em Marte. 

Mais sobre: humanidade terra marte
Share Tweet
Recomendado
Comentários
Carregar comentários
Destaquesver tudo