Cisco deverá demitir 14 mil funcionários

As demissões estariam ligadas a mudança de foco da companhia, que está passando por um momento de transição, deixando de ser uma empresa de hardware para se tornar uma de software.

Por | @oficinadanet Negócios

Apesar do bom momento para o mundo tecnológico, algumas empresas estão tendo que demitir funcionários para poder se manter no mercado. Este é o caso da Cisco Systems que, segundo fontes, irá fechar entre 9 mil e 14 mil postos de trabalhos.

Cisco deverá demitir 14 mil funcionários
Para se reestruturar no mundo tecnológico, Cisco deverá demitir cerca de 20 por cento da sua força de trabalho. Outras grandes companhias já fizeram o mesmo.

Leia também:

Assim sendo, a companhia poderá reduzir em quase 20% a sua força global de trabalho. A Cisco, atualmente, conta com mais de 73 mil funcionários. Caso as demissões atinjam o número maior, ou seja, em torno de 14 mil, seria o maior corte da empresa em seus 32 anos de atividade.

Cisco deverá demitir 14 mil funcionários
Microsoft é uma das companhias que anunciou o corte de funcionários.

As demissões estariam ligadas a mudança de foco da companhia, que está passando por um momento de transição, deixando de ser uma empresa de hardware para se tornar uma de software.

“Eles precisam de habilidades diferentes para o futuro definido por software [em relação ao] que o que eles costumavam ter”, disse uma das fontes ao site.

Vale lembrar que outras gigantes da tecnologia já optaram por cortes de vagas como a Microsoft, HP e Intel.

A Microsoft iniciou uma das maiores demissões da história no setor de tecnologia ainda em julho de 2014, quando revelou o corte de 18 mil postos de trabalho.

Já em setembro de 2015, a HP anunciou que pretendia cortar 33,3 mil empregos em três anos.

A Intel, por sua vez, em abril deste ano, disse que iria demitir 12 mil funcionários, ou seja, 11% da sua força de trabalho.

Mais sobre: cisco microsoft intel
Share Tweet
Recomendado
Comentários
Carregar comentários
Destaquesver tudo