Oficina da Net Logo

Snapchat adquire empresa especializada em fotos 3D

A tecnologia da empresa adquirida visa o recurso 3D. A Obvious Engineering é dona do aplicativo Seene, que funciona em aparelhos Android e iOS.

Por | @oficinadanet Tecnologia Pular para comentários

O Snapchat acaba de adquirir uma empresa especializada em captura facial em 3D. No ano passado, a empresa comprou a startup Looksery, que permitiu o uso do recurso Lense, por US$ 150 milhões.

Snapchat, em busca de novo recursos, adquire empresa especializada em tecnologia em três dimensões.
Snapchat, em busca de novo recursos, adquire empresa especializada em tecnologia em três dimensões.

Leia também:

Leia em destaque: As tecnologias que morreram em 2018.

Desta vez, a tecnologia da empresa visa o recurso 3D. A Obvious Engineering é dona do aplicativo Seene, que funciona em aparelhos Android e iOS. Através dele é possível capturar registros faciais em três dimensões e publicar diretamente para os usuários do serviço. Além disso, os usuários podem digitalizar objetos em três dimensões com a câmera comum do smartphone.

Aplicativo Seene é responsável pela captura de imagens em 3D.
Aplicativo Seene é responsável pela captura de imagens em 3D.

De acordo com informações do TechCrunch, o Snapchat está realmente interessado nos funcionários da empresa, e não no aplicativo em si. Desta forma, ainda cedo para saber se o aplicativo será usado pela empresa. A reportagem cita que os funcionários da Obvious devem produzir novas funções para o aplicativo.

A publicação sugere ainda que o Snapchat poderá usar o Seene em várias funções do aplicativo, como o próprio envio de selfies em 3D, troca de rosto com alguém de forma mais real e ainda a criação de novos filtros de realidade aumentada.

O valor da transação não foi revelado. De acordo com informações, toda a equipe da Obvious já está instalada em Los Angeles, cidade sede do Snapchat.

Hey, acompanhe todas as notícias do Oficina da Net no Telegram. Inscreva-se grátis.

MAIS SOBRE: #snapchat  #aplicativo  #android  #rafaelapozzebon
Comentários
Carregar comentários