Uber deverá contratar mais 50 mil motoristas brasileiros

O executivo do Uber ressaltou que o Brasil é um dos países em que o aplicativo possui uma das maiores taxas de crescimento, totalizando 30% ao mês em todo o país.

Por | @RafaelaPozzebon Negócios

Como sabemos, o Uber é amado por uns e odiado por outros. No Brasil, o aplicativo norte-americano de caronas vem sendo fortemente atacado pelos taxistas, que não aceitam os seus métodos de serviço e questionam a legalidade da plataforma.

Porém, ao que tudo indica, o Uber está longe de desistir, e revelou que pretende adicionar 50 mil novos motoristas no Brasil. Vale notar que no país são 10 mil motoristas cadastrados atualmente.

Uber deverá contratar mais 50 mil motoristas brasileiros
                             Carros do Uber deverão circular em breve nas regiões norte de nordeste do Brasil.                             

Leia também:

A informação foi repassada pelo gerente da empresa para a região central dos Estados Unidos, Canadá e América latina, Andrew MacDonald, através de uma entrevista ao blog do jornalista Fernando Rodrigues.

O executivo ressaltou que o Brasil é um dos países em que o aplicativo possui uma das maiores taxas de crescimento, totalizando 30% ao mês em todo o país.

Em relação a crise no país, o executivo disse que não afetou o Uber. "Quando a gente olha o Brasil de fora, o quadro parece realmente diferente. Houve uma perda de 1,5 milhão de empregos no ano passado. Há as crises política e econômica. Mas eu preciso dizer que no Uber estamos vendo nossa operação aqui com muito otimismo", afirma McDonald.

No Brasil, o Uber está presente nas cidades de São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Brasília, Campinas, Goiânia e Porto Alegre.

A expansão do serviço, de acordo com MacDonald, irá acontecer nas regiões norte e nordeste, em cidades que contam com mais de 1 milhão de habitantes.

Todas as informações foram confirmadas pelo Uber.

Mais sobre: uber, aplicativo, android
Share Tweet
DESTAQUESRecomendado
Mais compartilhados
Comentários