Código 451 irá indicar quando um site é censurado

Em países livres, onde as proibições de conteúdos não costumam ser uma regra, a utilidade do código 451 deverá funcionar conforme o desejado.

Por | @RafaelaPozzebon Tecnologia

Os códigos de status da web são usados para indicar possíveis erros. O erro 404, bastante conhecido entre os usuários de internet, indica que o site ou conteúdo não foi encontrado. Um novo código, agora, irá indicar quando uma página não estará mais disponível, porém, de maneira intencional, isto é, que foi censurada.

O código de erro foi proposto em 2012 por Tim Bray a partir de uma sugestão de Terence Eden, ambos desenvolvedores de software.

Código 451 irá indicar quando um site é censurado
Novo código 451 irá indicar site que foi censurado. O código 404 indica que o site ou conteúdo não está sendo mais disponibilizado.

Leia também:

O código 451 irá permitir que os sites e também provedores de rede comuniquem que um determinado conteúdo não está disponível por motivo de censura. A explicação é bem mais específica que o código 403, que indica acesso proibido.

O novo código também irá indicar aos usuários quando o governo do país restringiu os conteúdos na internet.

A legitimidade do bom funcionamento do código só o tempo irá mostrar, já que, um país, principalmente os que já costumam fazer bloqueios regulares, poderá bloquear conteúdos com o código de status, não exibindo o real motivo de determinado site não estar mais disponível.

No entanto, em países livres, onde as proibições de conteúdos não costumam ser uma regra, a utilidade do código 451 deverá funcionar conforme o desejado.

"Tal mensagem de erro pode ser útil para tornar mais transparente as requisições judiciais de indisponibilização, permitindo aos computadores, e à sociedade, conhecer o real motivo por trás do ato", disse o advogado especializado em direito digital Walter Aranha Capanema. 

Mais sobre: internet, web, erro
Share Tweet
DESTAQUESRecomendadoMais compartilhados
Comentários
AINDA NÃO SE INSCREVEU?

Vem ver os vídeos legais que
estamos produzindo no Youtube.