Através da internet, mulheres denunciam machismo

Através da tag #meuamigosecreto as mulheres estão compartilhando relatos sobre machismo, homofobia, racismo e outros tipos de agressão.

Por | @RafaelaPozzebon Tecnologia

Cada vez mais as mulheres estão usando a internet e seus inúmeros recursos para lutarem contra todos os perigos que a rodeiam. Através da rede, várias campanhas ganharam força, como para uma aceitação do próprio corpo, denúncia de violência doméstica, entre outros fatos.

A hashtag #meuprimeiroassédio também abriu portas para milhares de mulheres relatarem as primeiras experiências de assédio sofridas na vida, muitas delas, inclusive, quando eram crianças e adolescentes.

Através do artifício, o assuntou ganhou bastante notoriedade nas redes sociais e com isso várias discussões sobre o assunto foram iniciadas.

Agora, chegou a vez da hashtag #meuamigosecreto. Através da tag as mulheres estão compartilhando relatos sobre machismo, homofobia, racismo e outros tipos de agressão.

A tag foi inspirada nos clássicos discursos de amigo secreto que ocorrem nas festas de final de ano. Assim, os discursos contam experiências negativas que as mulheres tiveram ao longo de suas vidas, seja no trabalho, família, ex-namorados.

Claro que nem todos os internautas acharam válida a campanha, e com ela vieram inúmeras críticas. E você, acha justa? Válida para a sociedade?

Para que os casos fossem relatos, uma página no Facebook foi criada. Confira alguns dos relatos:

Através da internet, mulheres denunciam machismo

Através da internet, mulheres denunciam machismo

Através da internet, mulheres denunciam machismo

 

Através da internet, mulheres denunciam machismo

Mais sobre: facebook, twitter, web
Share Tweet
DESTAQUESRecomendadoMais compartilhados
Comentários
AINDA NÃO SE INSCREVEU?

Vem ver os vídeos legais que
estamos produzindo no Youtube.