Para a felicidade da nação, WhatsApp volta a funcionar

Após menos de 24 horas fora do ar, WhatsApp volta a funcionar!

Por | @oficinadanet Tecnologia

O bloqueio do WhatsApp rendeu muito assunto na mídia e na rua. Usuários estavam inconformados com a decisão da Justiça, e outros, na corrida por novas alternativas de comunicação. Mas, calma, gente! O famoso aplicativo de mensagens não ficou nem 24 horas fora do ar.

No início da tarde desta quinta-feira (17), após o Tribunal de Justiça de São Paulo ter concedido liminar para que as operadoras de telefonia móvel deixassem de bloquear o acesso ao WhatsApp, o serviço começou a normalizar.

"Cumprimos a ordem para bloquear e para desbloquear. Independentemente de termos prejuízo em relação à nossa imagem, por cumprir tudo que a justiça brasileira determina", diz Eduardo Levy, presidente do SindiTeleBrasil.

Para a felicidade da nação, WhatsApp volta a funcionar

Leia também:

De acordo com o relato dos usuários, as primeiras operadoras que permitiram o uso do aplicativo foram a Tim e Vivo. As demais, por enquanto, ainda geram instabilidade.

O desembargador Xavier de Souza, da 11ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça de São Paulo foi o responsável por conceder liminar para que houvesse o desbloqueio do mensageiro pelas operadoras de telefonia.

"Em face dos princípios constitucionais, não se mostra razoável que milhões de usuários sejam afetados em decorrência da inércia da empresa [em fornecer informações à Justiça]", escreveu Souza.

“É possível, sempre respeitada a convicção da autoridade apontada como coatora, a elevação do valor da multa a patamar suficiente para inibir eventual resistência da impetrante”.

Relembre

A Justiça determinou na quarta-feira (16), que as principais operadoras de telefonia móvel do país bloqueassem o acesso ao mensageiro por 48 horas.

De acordo com a SPTV, a determinação da Justiça foi uma punição ao Facebook, que é detentora do WhatsApp, que não colaborou com a abertura de mensagens trocadas no aplicativo por criminosos durante uma investigação policial.

Conforme ainda a SPTV, a multa do WhatsApp já estaria em R$ 6 milhões. Como o serviço não se manifestou, a Justiça aceitou o pedido da polícia e do Ministério Público para o bloqueio do serviço.

Mais sobre: whatsapp facebook bloqueio
Share Tweet
Recomendado
Comentários
Carregar comentários
Destaquesver tudo