Oficina da Net Logo

Amazon exibe vídeo de drones realizando entregas

Nas imagens é possível ver a encomenda chegando intacta ao seu destino, em uma caixa que se encaixa perfeitamente no drone.

Por | @oficinadanet Tecnologia Pular para comentários

A Amazon liberou um vídeo com um de seus drones realizando uma entrega de encomenda. Vale notar que a companhia revelou a iniciativa há dois anos. No vídeo, que é narrado pelo apresentador de televisão dos Estados Unidos Jeremy Clarkson, exibe uma família recebendo as chuteiras novas para substituir as que foram mordidas pelo cachorro. No vídeo é enfatizando o fato da entrega acontecer em cerca de 30 minutos.

Amazon exibe vídeo de drones realizando entregas

"No futuro, haverá toda uma família de drones da Amazon. Diferentes designs para diferentes ambientes", disse Clarkson. Assim, nas imagens é possível ver a encomenda chegando intacta ao seu destino, em uma caixa que se encaixa perfeitamente no drone.

O drone responsável pela entrega levanta voo semelhante a um helicóptero e sobe a uma altura de 120 metros, disse Clarkson. Após isso, ele passa a voar na horizontal, feito um avião. O narrador explicou que o drone pode voar a uma distância de 24 quilômetros e conta com uma tecnologia de sensores que evitam obstáculos em seu caminho. Leia em destaque: Entenda as diferenças entre as lentes de uma câmera fotográfica.

O vídeo ainda mostra o drone chegando ao seu local marcado para pouso. Assim que chega, libera a encomenda e após decola novamente.

No vídeo, outro destaque da companhia diz respeito a uma nova linha de veículos aéreos não-tripulados. Assim sendo, acredita-se que a empresa deve revelar outras versões do aparelho. “Não vai demorar muito para vermos uma família inteira de drones da Amazon, com diferentes designs e para objetivos distintos", disse Jeremy Clarkson.

Ainda não há uma data oficial para o lançamento do serviço de entregas a partir de drones. A Amazon conseguiu há alguns meses as autorizações necessárias para realizar novos testes com drones nos Estados Unidos.

Comentários
Carregar comentários