Esquema de falsificação de iPhone é interrompido pela Polícia chinesa

Fábrica de iPhones falsos foi descoberta após aparelhos chegarem aos Estados Unidos.

Por | @oficinadanet Smartphones

De acordo com a Reuters, a polícia de Pequim desmantelou uma fábrica que produzia iPhones falsificados. O local produziu mais de 41 mil aparelhos falsificados, avaliados em 19 milhões de dólares. Alguns dos aparelhos, inclusive, já foram enviados aos Estados Unidos. Nove suspeitos foram presos na operação.

As autoridades chinesas apreenderam no local 1.400 aparelhos e ainda uma grande quantidade de acessórios. Mais de um milhão de componentes de celulares foram apreendidos na operação policial contra a empresa, que contava com seis linhas de montagem.

Na China, a Apple é uma das marcas mais populares. As autoridades locais lutam há anos para desfazer a reputação do país em produzir produtos falsificados.  Para isso, as autoridades já tomaram medidas mais severas para impor direitos de propriedade intelectual, e assim pressionar as empresas a aplicar por marca registrada e patente, tudo para impedir as falsificações.

Esquema de falsificação de iPhone é interrompido pela Polícia chinesa

Leia também:

Das nove pessoas presas durante a operação, estava um casal que comandava a operação. A loja funcionava sob disfarce de um local de manutenção de aparelhos eletrônicos, localizada na periferia norte da capital chinesa.

As investigações contra a empresa iniciaram em maio deste ano, quando celulares falsificados provenientes da China foram encontrados no mercado dos Estados Unidos. Tais smartphones eram fabricados com placas de segunda mão, e importados para outros países com o logotipo da Apple. Centenas de pessoas trabalhavam na linha de montagem. O nome da empresa não foi divulgado. 

Mais sobre: iphone falso china
Share Tweet
Recomendado
Comentários
Carregar comentários
Destaquesver tudo