Samsung enfrenta período delicado no mercado de smartphones

A crise financeira mundial parece que não escolhe a quem atingir, na verdade, parece que ela está começando a atingir quase que todo mundo e principalmente grandes empresas, como a Samsung, que passa por uma situaçãdelicada nos meses.

Por | @oficinadanet Smartphones

As dúvidas a respeito da comercialização dos novos dispositivos móveis da linha "S", até este momento não cumpriram com as expectativas de seus investidores, que pensavam em uma rápida recuperação da Samsung, mas parece que a cada novo relatório, os números de vendas diminuem, o que vem deixando eles um tanto quanto preocupados, pois está vendo seus lucros caírem junto com essas vendas.

Os aparelhos top de linha (Galaxy S6 e S6 Edge) eram vistos como um novo marco para a marca, pois os apresentavam grandes mudanças em seu design, deixando um pouco de lado as linhas retas e comportadas, além do design, os aparelhos também prometiam mais potência, sendo eles considerados os melhores smartphones do mercado até hoje. Como deu para perceber, a nova linha "S" tinha tudo para ajudar a Samsung a se reerguer e assim salvar a empresa das baixas vendas e da queda nos lucros, mas não foi bem isso que aconteceu.

Samsung enfrenta período delicado no mercado de smartphones

De acordo com os últimos dados divulgados pelo Samsung Tomorrow, as vendas e consequentemente os lucros, em 2015 ainda continuam baixos, bem abaixo do esperado, uma vez que o resultado desta última pesquisa apontou que os números equivalem a uma queda de 4% se comparado com o segundo trimestre do ano passado, ou seja, os números informam que a Samsung enfrenta o sétimo trimestre consecutivo de baixas.

Leia também:

A comercialização dos Galaxy S6 e S6 Edge teve um pico de vendas muito bom no início de maio, dois meses após os seus lançamentos, que ocorreu durante a "Mobile World Congress", em Barcelona, na Espanha, mas depois deste período, o valor das ações da Samsung só tem caído, chegando a acumular uma desvalorização por volta de 6% até o momento. A empresa sul-coreana delega este fato, a falta de oferta de tela curvada, que é aplicada ao Galaxy S6 Edge, além desta, a Samsung também justifica essa queda nas vendas e consequentemente a queda nos lucros financeiros, vem da dificuldade macroeconômica em mercados como a China e Europa, que reduziram drasticamente as expectativas para novas vendas.

Logicamente que todos nós sabemos que o mercado de smartphones está cada vez maior, com uma concorrência cada vez mais pesada, chegando a 336 milhões de aparelhos vendidos somente no primeiro trimestre deste ano. Mas de acordo com informações da empresa de pesquisa Gartner, a comercialização de dispositivos móveis da Samsung vem encolhendo, mesmo a marca estando ainda na liderança de mercado, com 24,2% do market-share global, mas se comparado ao mesmo período do último ano, a companhia tinha na época, uma fatia de 30,4%, neste setor.

Segundo a Businnes Insider, as vendas da Samsung caíram pela metade em 2015, em quanto uma de suas maiores concorrente, a Apple, cresceu 62% e a Xiaomi, 42,3%. Atualmente, a Samsung está em 4º lugar no mercado se smartphones, ficando atrás da Apple, Xiaomi e Huawei, que teve um crescimento em volta de 40%.

Vale ressaltar que esses são números do primeiro trimestre de 2015 da Samsung, os resultados do segundo trimestre deverão ser publicados no final deste mês. A perspectiva de lucro para esse segundo período, segundo alguns analistas, deverá girar em torno de US$ 6,3 bilhões, o que ultrapassaria os números até agora apresentados deste primeiro trimestre, que apontaram um lucro de US$ 5,2 bilhões no período. Aguardamos os próximos relatórios.

Mais sobre: Samsung Smartphones GalaxyS6
Share Tweet
Recomendado
Comentários
Carregar comentários
Destaquesver tudo