Bill Gates deixa de ser o maior acionista da Microsoft

Empresário doou dinheiro da venda de ações para instituições de caridade.

Por | @RafaelaPozzebon Negócios

O fundador da Microsoft é um dos homens mais ricos do mundo. Por ser uma figura importante no meio tecnológico é reconhecido no mundo todo.  O executivo, no entanto, resolveu se afastar um pouco mais da companhia que criou.

Bill Gates, agora, não é o maior acionista individual da empresa. Ele vendeu 4,6 milhões de suas ações. Atualmente, Steve Ballmer, ex-CEO da Microsoft, é quem possui o maior número de ações da companhia, com 332,2 milhões. Bill Gates está bastante próximo, com 330,1 milhões.

Bill Gates deixa de ser o maior acionista da Microsoft

Leia também:

De acordo com pessoas próximas do executivo, o objetivo da venda das ações está relacionado  ao outro trabalho de Bill Gates, as instituições que caridade que mantém. O dinheiro recebido pelas ações teria sido doado para as instituições.

Mesmo não sendo mais o maior acionista da empresa, Bill Gates não deixa de acompanhar de perto a situação da Microsoft. Ele costuma auxiliar o atual CEO da empresa Satya Nadella, com conselhos sobre o futuro da companhia.

Mais sobre: billgates, microsoft, ações
Share Tweet
DESTAQUESRecomendado
Mais compartilhados
Comentários