Nasa desenvolve robô que pode se tornar o primeiro humanoide em Marte

Robô que poderá ajudar na busca de sobreviventes em lugares perigosos é exibido pela Nasa.

Por | @oficinadanet Ciência

A Agência Espacial Americana, Nasa, revelou um robô que poderá ser usado para resgates de pessoas em prédios em chamas ou até mesmo para caminhar sobre o solo de Marte. O humanoide, chamado de Valkyrie, de 1,87, foi construído sobre os mesmos conceitos do Robonaut, o astronauta robô, que tem sido testado na Estação Espacial Internacional.

De acordo com a Fast Company, o novo robô será destinado a trabalhar dentro dos níveis de gravidade da Terra.

O Humanoide foi desenvolvido para suportar andar sobre todos os tipos de terrenos, inclusive cenários de destruição e perigosos. O Valkyrie é coberto por materiais leves e ainda é equipado com câmeras que podem colaborar seus operadores a avaliar os arredores e ainda encontrar sobreviventes de uma tragédia, por exemplo.

Leia também:

O Valkyrie se parece muito com um ser humano. O seu andar é muito semelhante ao das pessoas e ainda usa camadas de tecido sobre seus membros de metal. O pano que o reveste ajuda a protegê-lo de quedas, mas conforme o chefe do projeto  há mais uma razão para a vestimenta. “Nosso robô é macio. Se você se encostar nele enquanto estiver trabalhando, não vai querer sentir o metal duro e frio, vai desejar que pareça natural, como se estivesse junto a outro ser humano”, disse o chefe do projeto, Nicolaus Radford.

O robô pode funcionar através de energia elétrica que recebe a partir de uma mochila recarregável. De acordo com a Nasa, o robô pode ser o primeiro “ser” a pisar em Marte.

Mais sobre: robo nasa valkyrie
Share Tweet
Recomendado
Comentários
Carregar comentários
Destaquesver tudo