Biel Crystal, parceira da Apple, é acusada de violar direitos trabalhistas

Empresa que produz telas para iPhones é acusada de maltratar funcionários na China.

Por | @oficinadanet Segurança digital

A empresa Biel Crystal Manufactory, parceira da Apple, foi flagrada violando os direitos trabalhistas. A companhia que está situada em Hong Kong, na China, é responsável por fabricar as telas para os aparelhos iPhone.

Vale notar que esta não é a primeira vez que uma empresa fornecedora da Maçã é acusada de maltratar os seus funcionários.

Recentemente a Foxconn admitiu que explorava estudantes.

De acordo com um documento da Associação de Estudantes e Acadêmicos contra a Má Conduta Corporativa (Sacom, na sigla em inglês), a Biel Crystal exige que os funcionários trabalhem em turnos de 11 horas, sete dias por semana, com apena um dia de folga ao mês.

Leia também:

Além disso, o salário dos trabalhadores é baixo. Não recebem trabamento adequado quando sofrem um acidente de trabalho. O levantamento cita ainda que ao menos cinco funcionários da fábrica já cometeram suicídio desde 2011.

Kitty Potter, uma porta-voz da Apple na China, disse que a empresa norte-americana "investiga esses casos".

"Nós insistimos que os nossos fornecedores ofereçam condições seguras de trabalho, tratem os trabalhadores com dignidade e respeito, e utilizem processos de fabricação ambientalmente responsáveis ​​sempre que os produtos da Apple são feitos", disse a Apple em um comunicado enviado à Reuters.

Conforme o site da Biel Crystal existe duas fábricas na China, uma na província de Guangdong e outra em Shenzhen. A fábrica possui mais de 60 mil funcionários.

Mais sobre: apple telas direitos trabalhistas
Share Tweet
Recomendado
Comentários
Carregar comentários
Destaquesver tudo