Governo quer agilizar processo de segurança de e-mails no Brasil

Depois da divulgação pela mídia da espionagem de dados de cidadãos brasileiros por agências de inteligência dos Estados Unidos, o governo brasileiro solicitou as agências dos Correios, agilidade no processo de desenvolvimento de um aplicativo de segurança nos e-mails de quem usa o serviço.

Por | @oficinadanet Internet

De acordo com o secretário executivo do Ministério das Comunicações, Genildo Lins, foi pedido aos Correios que eles acelerem o desenvolvimento de um aplicativo de e-mail criptografado e gratuito a população; isso tudo em resposta as denúncias de espionagem de dados de cidadãos brasileiros por agências de inteligência dos Estados Unidos.

Ainda em relação a esse pedido, o novo serviço deverá ser remunerado por meio de anúncios, bem ao estilo Google. Na avaliação de Lins, a empresa de correios e telégrafos do Brasil já trabalham há algum tempo com a certificação digital e criptografada, onde para ele, “passar a um serviço de e-mail em massa, com os mesmos moldes, é fácil”.

Mas ainda na avaliação do secretário executivo, o custo da implantação dos sistemas e de um datacenter devem ser bem avaliados, com tudo, o lançamento desta nova ferramenta dos Correios não deverá ocorrer tão logo, pois ainda dependerá das condições de mercado.

Mesmo com a implantação deste novo serviço, a atual arquitetura mundial da internet obrigará o tráfego de parte desses e-mails a passar pelos Estados Unidos, sendo que neste caso, qualquer tentativa de acesso não autorizado ao conteúdo destes “correios eletrônicos” deverão primeiro quebrar o algoritmo da criptografia brasileira, onde Lins diz o seguinte: “É uma grande oportunidade de negócio para os Correios, mas com tantas informações divulgadas pelos meios de comunicações, o governo brasileiro decidiu acelerar todo o processo”.

Mais sobre: correios Brasil governo
Share Tweet
Recomendado
Comentários
Carregar comentários
Destaquesver tudo