Reunião da Câmara fica marcada pela ausência da Microsoft e Google

Google e Microsoft não enviam representantes para a reunião da Comissão de Defesa do Consumidor. Justificativa pela ausência repercute negativamente na Câmara.

Por | @RafaelaPozzebon Internet

O Google e Microsoft não enviaram representantes para a reunião da Comissão de Defesa do Consumidor, na Câmara dos Deputados. O convite foi feito há uma semana para ouvir as versões das companhias sobre a suposta colaboração das empresas de internet na espionagem de cidadãos brasileiros.

O presidente da Comissão, deputado José Carlos Araújo (PSD-BA), convidou os executivos Fábio Coelho, diretor-geral do Google no Brasil, e Michel Levy, atual presidente da Microsoft. Porém, ninguém apareceu.

De acordo com as informações do gabinete do deputado Araújo, a Microsoft justificou a ausência de um representante por estar passando por uma transição e não ter uma pessoa adequada para ir a Brasília. O Google, por sua vez, informou que Fábio Coelho está de férias.

As ausências de representantes gerou repercussão negativa na Câmara. Araújo, inclusive, disse que as férias de Fábio Coelho, do Google, é uma “coincidência oportuna”.

"Ora, é muita coincidência essas férias do presidente do Google. O Google que não respeita as instituições brasileiras e temos que tomar uma providência em relação a essa empresa, já que há denúncias de que eles estão espionando os dados do povo brasileiro. Temos realmente que ouvir a versão da empresa e tomar uma decisão rápida. Eu acho que, no final, nós vamos ter que, talvez, transformar isso em uma CPI para apurar, porque é uma coisa muito grave”, disse Araújo.

Mais sobre: google, microsoft, espionagem
Share Tweet
DESTAQUESRecomendadoMais compartilhados
Comentários
AINDA NÃO SE INSCREVEU?

Vem ver os vídeos legais que
estamos produzindo no Youtube.