Google Reader chega ao fim

Google anuncia o fim do Google Reader. Desde 2011 a companhia já encerrou cerca de 70 ferramentas.

Por | @oficinadanet Internet

A partir desta segunda-feira (1), o Google Reader não existirá mais. O fim da ferramenta foi anunciado ainda em março pelo Google que justificou a descontinuação do serviço dizendo que a companhia irá investir em menos produtos. A gigante já encerrou cerca de 70 ferramentas desde 2011.

“Essas mudanças nunca são fáceis. Mas para focar nossos esforços, nós podemos nos concentrar em construir grandes produtos que realmente ajudaram em suas vidas”, afirmou Urs Hölzle, vice-presidente de infraestrutura do Google em março. 

Veja alternativas ao Google Reader.

Agora, os usuários que optarem por continuar acompanhando os sites através de RSS precisam fazer o download dos seus dados através do Google Takeout, uma API desenvolvida para baixar quaisquer informações que estão hospedas em serviços dos Google.

O Google Reader contava com vários usuários, que precisarão encontrar outra ferramenta similar. A boa notícia é que para quem não abre mão de um leitor RSS, há várias outras boas opções. O Feedly, por exemplo, pode importar os dados sem a API do Google.

Outros serviços como Digg Reader, o AOL Reader, Netvibes, Pulse e o Old Reader podem ser muito úteis para todos os usuários do Google Reader.

Mais sobre: google reader fim RSS
Share Tweet
Recomendado
Comentários
Carregar comentários
Destaquesver tudo