CEO da BlackBerry não acredita na longevidade de tablets

De acordo com o CEO da BlackBerry, Thorsten Heins, em uma entrevista ao site Bloomberg, revelou não acreditar da longevidade dos tablets

Por | @oficinadanet Negócios

De acordo com o CEO da BlackBerry, Thorsten Heins, em uma entrevista ao site Bloomberg, revelou não acreditar da longevidade dos tablets.  De acordo com ele, em alguns anos esses dispositivos se tornarão obsoletos. “Em cinco anos, acredito que não existirá mais motivos para se comprar um tablet”, disse Heins ao site.

Vale lembrar que a companhia já lançou um tablet, o PlayBook, porém, não fez muito sucesso entre os consumidores. O aparelho recebeu muitas críticas quando foi lançado e atualmente pouco é lembrado. Conforme Heins, a BlackBerry não pretende lançar uma nova versão para o tablet.

Na entrevista, o CEO da BlackBerry insistiu na ideia de que a aposta em tablets não é uma boa opção. De acordo ainda com ele, a empresa só investiria em um novo modelo se a opção fosse rentável e pudesse oferecer diferenciais únicos ao mercado que já está saturado.

“Em cinco anos vejo a BlackBerry como líder absoluta no mercado de computação móvel. É o que nós estamos planejando. Queremos obter a maior fatia de mercado possível, mas sem ser um imitador”, afirmou Heins.

Mais sobre: blackberry tablets Heins
Share Tweet
Recomendado
Comentários
Carregar comentários
Destaquesver tudo