Oficina da Net Logo

Netflix faz críticas a UE sobre cota de conteúdo

O serviço de streaming já possui um grande catálogo de conteúdo internacional.

Por | @oficinadanet Netflix Pular para comentários

Através de seu relatório de ganhos do terceiro trimestre, a UE aproveitou para criticar a União Europeia sobre uma cota de conteúdo para serviços de streaming.

Reed Hastings, diretor-executivo da Netflix, disse através do relatório que a UE está “atualmente reescrevendo suas regras audiovisuais” que irão exigir que serviços de streaming como Netflix “dediquem um mínimo de 30% de seu catálogo a obras europeias”.

“Preferiríamos nos concentrar em tornar nosso serviço excelente para nossos membros, o que incluiria a produção de conteúdo local, e não a satisfação de cotas, mas prevemos que uma cota de conteúdo regional que se aproxime da participação da região em nossos membros globais reduzirá apenas marginalmente satisfação dos membros ”, diz o relatório. “No entanto, as cotas, independentemente do tamanho do mercado, podem impactar negativamente tanto a experiência quanto a criatividade do cliente. Acreditamos que uma maneira mais eficaz de um país apoiar um conteúdo local forte é incentivar diretamente os criadores de conteúdo local, independentemente do canal de distribuição. ”

Netflix faz críticas a UE sobre cota de conteúdo.Netflix faz críticas a UE sobre cota de conteúdo. Leia em destaque: Filmes de comédia para assistir na Netflix.

O serviço de streaming já possui um grande catálogo de conteúdo internacional. Hastings e Ted Sarandos, diretor de conteúdo da Netflix, comentaram sobre o desenvolvimento de séries e filmes originais para uma audiência fora da América do Norte.

“O que está por trás e na minha cabeça é compartilhar o melhor conteúdo do mundo, seja anime japonês, telenovelas turcas, o filme noir dos nórdicos”, disse Hastings ao Financial Times . "Eu nunca fui muito centrado em Hollywood."

De acordo com os lucros, quase 79 milhões do total de 137 milhões de assinastes da Netflix são internacionais.

"Também continuamos a expandir nossos originais internacionais, com projetos abrangendo Índia, México, Espanha, Itália, Alemanha, Brasil, França, Turquia e em todo o Oriente Médio, para citar apenas alguns", diz o relatório de lucros. “Na Índia, nossa série de sucesso, Sacred Games, foi seguida por Ghoul no final de agosto. A Casa das Flores , nosso mais recente original mexicano, tornou-se um grande sucesso. ”

Fonte: The Verge 

MAIS SOBRE: #filmes  #catalogo  #streaming
Comentários
Carregar comentários