Oficina da Net Logo

Rede 4G deve chegar a 65% das conexões móveis na América Latina em 2019

O número poderá ser alcançado em virtude do aumento no investimento em infraestrutura por parte das operadoras.

Por | @oficinadanet Internet

Conforme informações que circularam no webinário realizado pela 5G Americas, no ano de 2019 as conexões 4G devem superar em quantidade as assinaturas a sua antecessora 3G. Para completar, o cenário diz que em 2022, 65% das conexões móveis serão 4G na América Latina.

Rede 4G deve chegar a 65% das conexões móveis na América Latina em 2019.Rede 4G deve chegar a 65% das conexões móveis na América Latina em 2019.

Leia também:

O número poderá ser alcançado em virtude do aumento no investimento em infraestrutura por parte das operadoras. O Analista Senior da GlobalData para América Latina, Leandro Agión, disse o seguinte:

“As assinaturas da 4G vão duplicar até 2022, alavancado principalmente o esforço das operadoras para aumentar a área de cobertura e a qualidade das comunicações 4G na região.”

O Diretor da 5G Americas para América Latina e Carive, José Otero, alertou sobre a necessidade de disponibilizar mais frequências para o desenvolvimento da rede:

“O espectro radioelétrico é o insumo vital das redes sem fio, e já estamos nos aproximando do mundo da 5G que permitirá a Internet das Coisas (IoT). A principal preocupação para o futuro é que precisaremos entre 3 e 18 GHz de frequências em áreas densamente povoadas para que as tecnologias funcionem corretamente.”

O Brasil, de acordo com ele, ganhou destaque com um dos países da região que mais entregou espectro para o funcionamento da rede 2G, 3G e 4G de modo agregado. Isso tudo permite um número maior de assinaturas, sendo que a previsão para 2022 é de 804 milhões de clientes em todos os países da região.

Leandro Agión diz que a tecnologia 5G deve chegar aos principais países da América latina somente em 2021. Isso tudo levando em consideração que muitas operadoras da região estão ainda focadas no aumento da disponibilidade da rede 4G.

“Nossa visão é que a 5G chegará na América Latina em média em 2021, com suas primeiras ofertas comerciais nos principais países da região. As operadoras, segundo vemos, ainda estarão focadas em aumentar a área de cobertura da 4G e em monetizar seus investimentos nesta tecnologia. Por isso, apesar do fato de que muitos testes estão sendo feitos em vários países, não acreditamos que a 5G chegue antes disso.”

COMPARTILHE
Siga no instagramHistórias DigitaisComparador de SmartphonesLançamentos da Netflix
Comentários
Carregar comentários