Intel compra fabricante de chips de treinamento de IA, Habana, por US$2 bilhões

No início desta semana a Intel revelou que adquiriu a fabricante de chips israelense Habana Labs. A compra foi avaliada em aproximadamente US$2 bilhões. Confira!

Por Hardware Pular para comentários
Fonte: TechCrunch
Fonte: TechCrunch

No início desta semana a Intel revelou que adquiriu a fabricante de chips israelense Habana Labs. A compra, avaliada em aproximadamente US$2 bilhões faz parte de um objetivo maior, aprimorar a tecnologia em inteligência artificial (IA) da empresa, incluindo nomes como Nervana Systems e Movidius.

Habana possui grandes processadores de treinamento de IA

No mês de julho, a Habbana chegou a anunciar seu processador de treinamento de IA Gaudi, que de acordo com a empresa, é capaz de ser mais poderoso que sistemas baseados em GPU por 4x. Dizem que a empresa localizada na cidade Tel Aviv, Israel, já estava sendo observada a algum tempo para ser comprada.

Ao que parece, o plano da Intel de estar na ponta de tecnologias que envolvam IA esta dando certo, dando a empresa uma boa vantagem que valerá cerca de US$24 bilhões até 2024. No ano de 2019, de acordo com a empresa, há estatísticas de geração de mais de US$3,5 bilhões em receita advinda da IA (aumento de 20% comparado ao ano anterior). O vice-presidente executivo da Intel, Navon Shenoy, diz:

"Esta aquisição avança nossa estratégia de IA, que é fornecer aos clientes soluções para atender a todas as necessidades de desempenho - da borda inteligente ao data center. Mais especificamente, a Habana carrega com turbidez nossas ofertas de IA para o data center com uma família de processadores de treinamento de alto desempenho e um ambiente de programação baseado em padrões para atender às crescentes cargas de trabalho de IA."

Intel irá manter por enquanto a equipe da Habana

A Intel no momento pretende operar a Habana como uma unidade de negócios independente, mantendo a equipe de gerenciamento atual. Inclusive, o presidente da Habana, Avigdor Willenz, irá permanecer para dar conselhos as empresas.

Fonte: TechCrunch

Recomendamos ler:

Acompanhe as últimas notícias de tecnologia aqui no Oficina da Net. Sempre trazendo conteúdos novos e produtos interessantes.

Comentários:
Carregar comentários