Review Cougar Fusion, cadeira Gamer de entrada

O mercado de cadeiras focadas no público Gamer vem sido bem movimento no último ano, com marcas como a DXRacer e DT3 tendo destaques no mercado. Descobriremos se a Cougar irá destronar estas marcas.

Por Hardware 2 comentários
Review Cougar Fusion, cadeira Gamer de entrada

O mercado de cadeiras focadas no público Gamer vem sido bem movimentado no último ano, com marcas como a DXRacer ainda sendo a preferida no mercado High-End, enquanto que as cadeiras da DT3sports tem pego bastante do mercado de entrada deste novo "perfil" de cadeiras.

A Cougar não perdeu sua oportunidade de entrar neste mercado, e em sua cadeira de "entrada", encontramos a Armor Fusion que se encontra entre R$700-800, preço que encontramos cadeiras de escritório mais sofisticadas. Vamos então descobrir se a Fusion consegue realmente disputar dentro do mercado e se vale - ou não - a pena comprar.

Já quero dizer de cara que conforto é a palavra chave desta cadeira, e o departamento de marketing tem usado bastante disso por um bom motivo.

Não se esqueça que também fazemos nossos reviews em vídeo, confere aí!

Bom, este é o meu primeiro review de uma cadeira, então a primeira coisa que tenho a dizer, é que a cadeira can't do this....

sorry :(sorry :(

Construção

Primeiramente vamos falar dos materiais usados na construção da cadeira, que é bem melhor do que aparentava nas fotos, eu havia a impressão ao olhar as fotos que sua estrutura era de plástico duro, somente com o pistão central e os ajustes em metal, e eu estava redondamente enganado.

Mas então, o que é feito de metal? Quase tudo. As rodas tem estrutura de metal, o pistão central, mecanismos de ajustes e seus encaixes, estrutura inferior e superior, e a base em formato de estrela também é toda de metal - nas fotos há impressão de não ser o caso, mas é - e enquanto os braços não são do mesmo material, eles são de um tipo de fibra que se assemelha bastante a fibra de vidro e é extremamente robusta e leve, e é uma área que muitas cadeiras deixam a desejar. Além disso, seu peso máximo é de 120KG.

Cougar Armor FusionCougar Armor Fusion

Vamos então examinar cada item separadamente, começando pelas rodas. Elas tem sua estrutura central em metal, com a parte externa usando material PU, que não risca o chão. As rodas são de silicone e possuem bem pouco atrito, proporcionando excelente deslize no chão ao mesmo tempo que faz pouco barulho. A parte interna tem boa lubrificação, que também proporciona pouco atrito e aumenta a longevidade do produto. O único porém delas é o cover plástico em formato de 1/3 de círculo, que aparenta ser frágil.

Rodas com externos em PURodas com externos em PU

Agora vamos para a base, que tem formato de estrela e é onde às 5 rodas acoplam, e como falei lá no começo deste texto, a aparência é de um plástico áspero, porém a verdade é que toda a sua estrutura é de metal, e não há um pedaço de plástico na base, e isso também serve para o inferior da peça, é inclusive possível ver onde as soldas do metal foram feitas, e sua rigidez é excelente.

Base da FusionBase da Fusion

Partindo para o pistão, que apesar de conter um cover de plástico que se expande/contrai de acordo com a altura da cadeira, é todo em metal também. O pistão usa gás C4 para sua atuação e vem muito bem lubrificado, tanto que você pode se sujar de óleo lubrificante caso toque no pino de atuação. O cover plástico que mencionei antes é bem frágil, mas isso não tem problema pois serve somente para cobrir o mecanismo por questões estéticas, podendo não colocar quando montar a cadeira se caso preferir.

Cover plástico pode ser removidoCover plástico pode ser removido

Subindo mais um pouco, vamos para os mecanismo de ajustes da cadeira, onde o pistão encaixa e que também é responsável pela inclinação da cadeira, assim como o ajuste de altura. Essa é a peça mais pesada de toda a cadeira, e também é feita toda em metal. Ela tem formato retangular para encaixar na parte inferior do assento, onde 4 parafusos são necessários para a fixação. Não tem muito o que dizer desta parte, ela é sólida e simples.

Encaixe do pistão e ajustesEncaixe do pistão e ajustes

Agora vamos para o assento. Sua construção interna é toda em metal, já mencionado antes também. Ela tem um suporte lateral em cada lado que fica perto da altura da metade da coxa, e ajuda no posicionamento e postura durante o uso da cadeira. Toda a sua cobertura superior - onde sentamos e encostamos em 99.9% do tempo - é coberta em material sintético do tipo PVC, que imita o couro e também é bem comum de ver não só em cadeiras, mas em sofás também, e também tem uma camada muito generosa de foam em sua parte interna, proporcionando extremo conforto na hora de sentar.

Na parte central do assento, temos costura em formato diamante, tipo comum de se ver em carros de luxo ou em trabalhos customizados para a parte interna do setor automotivo, e que dá um ar bem legal de sofisticação e elegância a cadeira. Os fios de costura tem uma cor mais puxada para o bronze do que para o laranja da Cougar, mas combinou muito bem com o tema de cores do resto da cadeira.

Assento da Cougar Fusion com costura em formato DiamanteAssento da Cougar Fusion com costura em formato Diamante

Voltando um pouquinho para os apoios de braço, que já lhes adianto que não são ajustáveis. Mencionado já antes, o material da estrutura dos apoios é bem parecido com fibra de vidro e tem excelente rigidez, comparável a braços de metal que já encontrei em outras cadeiras, porém muito mais leve. Sua parte superior tem o mesmo tipo de acabamento que as laterais do assento, só que na cor preta e com as costuras detalhadas na mesma cor do padrão diamante na parte central da cadeira.

Costura dos apoiosCostura dos apoios

Vamos então nos direcionar para o último componente da cadeira, o encosto. Sua construção é basicamente uma extensão do assento, e ambos encaixam muito bem, tanto esteticamente quanto na montagem do produto. O mesmo padrão diamante costurado está na parte central, assim como os "apoios" laterais na cor laranja. O estofamento da parte central do encosto é tão generoso quanto na parte debaixo, então muito confortável.

Logo da Cougar impresso no encostoLogo da Cougar impresso no encosto

Agora que já sabemos um pouco mais sobre os materiais usados pela cadeira, vamos ver como ela é para ser montada.

Montagem

A cadeira vem toda desmontada dentro da caixa, algo extremamente comum. Para realizar a montagem, a Cougar incluiu todas as ferramentas e peças necessárias dentro da caixa, o máximo que você vai precisar é de uma mãozinha extra para encaixar tudo junto, mas de resto é bem tranquilo mesmo.

Ferramentas para montagem já inclusasFerramentas para montagem já inclusas

Não só as ferramentas foram inclusas, como o manual de montagem também. Há separação de cada um dos itens inclusos e também a ordem correta de encaixe. É um manual pequeno, mas de fácil entendimento, e o processo completo não demorou mais do que 20 minutos.

Manual de instruçõesManual de instruções

Terminando isso, basta ir aproveitar a sua nova cadeira.

Conforto

Vamos então falar de um aspecto importantíssimo em uma cadeira, e este é o seu conforto. Pagamos mais caro - bem mais caro - não só pela durabilidade de qualidade de materiais, mas também pela ergonomia e o conforto durante o uso extenso do produto.

Lembra que eu comentei na parte de construção que tanto no assento quanto no apoio as costas, havia uma generosa camada de estofamento interno? Então, esse estofamento dá um aspecto extremamente agradável e confortável na hora de sentar, e isso ajuda bastante para manter a posição correta na hora de sentar.

Conforto é a palavra-chave, lembra?Conforto é a palavra-chave, lembra?

Em muitas cadeiras, o apoio da lombar é duro e acaba por fazendo com que tenhamos que forçar a espuma para dentro, ocasionando desconforto. No caso da Fusion, isso não acontece, pois no momento em que apoio minhas costas na cadeira, ela "abraça" essa parte do meu corpo, e não tenho que fazer nenhum esforço para me manter na postura correta na hora de sentar.

Encosto das costasEncosto das costas

Isso não só ocasiona excelente conforto durante o uso, mas também postura muito boa, e minha coluna agradece muito por isso - pensem em alguém que tem dor na coluna frequentemente -, além disso, todos que testaram/sentaram na cadeira adoraram o conforto e postura, com alguns deles até querendo pegar ela para sí.

Eu realmente tenho que dar o braço a torcer para a Cougar neste aspecto, tenho acesso diário a várias cadeiras presidente premium, como a Cavaletti Prime 20101, Pro 38001 L e Velo 42101 AC. Também tenho em casa uma Cavaletti 4001 V2 (2016), uma das mais confortáveis que já tive, e mesmo assim a Fusion fica no topo das mais confortáveis que já usei, e isso é sem dúvidas uma grande surpresa. Já usei uma DXRacer Tank T29-NW, que é uma cadeira de mais de R$ 2000, e tirando os braços ajustáveis da T29, não veria onde a Fusion não fosse competitiva.

Fernanda Beling como ajudanteFernanda Beling como ajudante

Todo mercado tem seu ponto de evolução, isso aconteceu com mouses, teclados, fones e aparentemente, essa evolução está finalmente começando a chegar no mercado de cadeiras, onde conforto e postura está começando a subir na lista de prioridades, com aparência e marketing perdendo cada vez mais espaço.

Isso é, obviamente, uma excelente notícia para nós, consumidores, que só temos a ganhar com produtos melhores, geralmente mais baratos e que ainda mantém boa parte das características visuais que tantos adoram.

Logo da Cougar costurado no apoio da cabeçaLogo da Cougar costurado no apoio da cabeça

Eu tenho ombros largos e 1.90m de altura, e mesmo assim tive ótimo encaixe nos apoios laterais, mas se a pessoa for maior que eu, pode ser que eles fiquem um pouco apertados, mas no meu caso não houveram problemas.

Uma coisa que preocupa muitos é a falta de almofada de lombar, o que é excelente. Minha postura em uma cadeira ficaria horrível caso houvesse uma ali, e se caso existisse, eu removeria na hora. O ângulo para sentar com boa postura é um pouco menor do que 90°, e usar uma almofada na lombar faz com que esse ângulo seja muito menor do que o necessário, possivelmente machucando a sua coluna. Você pode até achar confortável, mas não é nada ergonômico e nem bom pra sua saúde.

Ombros tem apoioOmbros tem apoio

Vamos falar então do ajuste de altura, que é feito pela alavanca que fica posicionada no lado direito inferior na cadeira, para aumentar/baixar a cadeira, basta pressionar a alavanca em sua direção que a cadeira irá subir/descer de acordo com o peso aplicado no topo do assento, infelizmente a Cougar não diz nem no manual e nem em seu site qual a distância total de elevação.

Já a inclinação da cadeira é feita pela rosca posicionada logo a frente da alavanca de ajuste de altura. Gire no sentido horário para diminuir o ângulo de inclinação, e para a esquerda para aumentar o ângulo. Se caso você deseja trancar a posição de inclinação, você terá que empurrar a alavanca - não a rosca - para dentro da cadeira, e se quer deixar a inclinação livre, basta puxar a alavanca para fora, mecanismo simples e fácil de usar. Assim como na elevação, não há informações sobre o ângulo máximo de inclinação.

Inclinação máxima da FusionInclinação máxima da Fusion

Só um adendo: não é possível deitar com a cadeira.

Negativos

Nenhum produto é perfeito, eu acho, e é minha obrigação como reviewer de passar para vocês todos os problemas e/ou pontos negativos dos produtos testados, e este aqui não é exceção, mesmo tendo poucos.

Bom, vamos começar pelo mais óbvio, o apoio do braço. Aqui a parte ruim não é nem sua construção ou conforto, que na verdade são bons, mas sim a falta de ajustes. Sim, eu sei que este é um modelo de "entrada" e que há outros modelos somente um pouquinho mais caros que oferecem ajuste do apoio de braço, mas enquanto o ajuste não for padrão da indústria de cadeiras pessoais, continuarei a cobrar isso de qualquer marca, ainda mais quando se trata de uma cadeira de R$750+.

Braços são rígidosBraços são rígidos

E na verdade, o único outro ponto negativo que tenho a falar foi um pequeno defeito que nosso produto em questão apresentou, e que a grande maioria de vocês que comprarem não irão enfrentar. Nos furos laterais para os parafusos que os apoios de braço encaixam com a coluna da cadeira, havia um furo onde o couro que cobre a parte não veio cortado, então tivemos que cortar com um estilete para poder montar a cadeira. Isso é um pequeno defeito que não foi visto durante o controle de qualidade da marca, e já vi acontecer em várias cadeiras, independente de preço. Isso pode ou não acontecer com vocês, e as maiores chances ficam de não acontecer. É algo que é só a Cougar pedir um pouco mais de atenção na verificação na fábrica que já estará resolvido.

É algo tão simples que nem imagem tenho para representar, pois após cortarmos com um estilete, o furo ficou exatamente igual aos outros e isso não levou nem 1 minuto.

Conclusão

Vamos então ao final de nosso primeiro review de uma cadeira Gamer, como será que a Fusion se saiu?

Devo sim elogiar a Cougar pelo trabalho feito na cadeira, ela é bem robusta e sem dúvidas extremamente confortável, com boa ergonomia e ajustes de altura e inclinação que atendem a 99.9% das pessoas.

Há áreas que ela pode melhorar? Claro, os braços podem ser ajustáveis de altura e largura (A Royal S tem esses ajustes), a inclinação poderia ser um pouco melhor (mesmo eu achando que ninguém precisaria disso, mas né?) e a troca de PVC que imita couro por tecido seria um ótimo upgrade, desde que sejam mantido o estofamento interno na espessura atual.

Do que eu falei, somente 1 motivo é realmente um upgrade, com os outros 2 sendo questão de preferência. Agora há uma coisa que tenho que deixar bem claro: o preço.

Essa cadeira não de nenhuma maneira barata, ficando entre R$ 700 a 800, e isso é um valor considerável para uma cadeira, e você pode pegar vários modelos topos de linhas de outras marcas não-Gamers neste valor. Agora, se você procura uma entrada no mercado de cadeiras Gamers, a Fusion é uma das melhores opções, sendo consideravelmente mais confortável e melhor acabada que rivais diretos, como a DT3sports GTS.

Pretendo trazer um review da Cougar One X, que custa cerca de R$ 50-100 a mais, mas que oferece mais coisas, para poder lhes dizer se vale a pena investir o valor a mais.

Então, para finalmente terminar este review, eu Indico sim essa cadeira, pois ela faz muita coisa muito bem, mas recomendo fortemente você experimentar cadeiras presidenciais de marcas já conhecidas do ramo e depois experimentar a Fusion, assim você terá uma melhor ideia de conforto e de como ela se encaixa com você.

Cougar Armor FusionCougar Armor Fusion

Compartilhe com seus amigos:
Augusto Schweickardt
Augusto Schweickardt Entusiasta por periféricos, hardware e fotografia
FACEBOOK // INSTAGRAM: @augustomullerr //
Quer conversar com o(a) Augusto, comente:
Carregar comentários
Últimas notícias