CES 2020: Huawei revela que vendeu 100.000 Mate X por mês

O anúncio ocorre após a Samsung anunciar ter vendido 400 mil Galaxy Fold. Mesmo com preços cercado 10 mil reais, os aparelhos dobráveis parece estar fazendo sucesso no oriente.

Huawei Mate X - Imagem: Divulgação Huawei
Huawei Mate X - Imagem: Divulgação Huawei

Durante a CES 2020, uma das maiores feiras de tecnologia do mundo que acontece essa semana em Los Angeles, EUA, o CEO da Samsung revelou que vendeu mais de 400.000 unidades do Galaxy Fold. Com essa informação, o CEO sugeriu que há grande demanda para celulares dobráveis, mesmo com altíssimos preços pela novidade tecnológica. A Huawei então se manifestou provando novamente que há essa grande procura, porém, também colocando a empresa chinesa frente a competição sul coreana.

Revelou-se que o Huawei Mate X, o smartphones dobrável da marca chinesa, vendeu cerca de 100.000 unidades por mês desde seu lançamento em 15 de novembro do ano passado, contabilizando praticamente 200.000 unidades vendidas até o momento. O detalhe é que p Huawei Mate X só está disponível no mercado chinês no momento, enquanto o Galaxy Fold já se expandiu para vários países.

Com tudo isso, a revendedora chinesa Sina ainda anunciou que a Huawei reduziu pela metade os prazos de entrega do Mate X, indicando que compradores do evento de vendas relampado dessa última sexta-feira receberão seus aparelhos novos até quinta-feira, ao invés do prazo mínimo de uma semana cheia.

Os preços atuais dos dois smartphones dobráveis são bem altos, principalmente comparados a qualquer outro dispositivo de alta gama no mercado. Em comparação em Yuan, o Mate X está saindo por CNY 16,999 (US$2,447, ou R$ 10022,42), enquanto o Galaxy Fold fica por CNY15,999 (US$ 2,303, ou R$9432,63). Mesmo com esses preços, esses aparelhos fazem sucesso no oriente, será que vingarão também por aqui?

🔥O POCO F4 É MUITO BOM 👇

Comentários
Minha foto
Insira um comentário