Oficina da Net Logo

CES 2018: Conheça o primeiro celular com sensor biométrico na tela

Primeiro aparelho com sensor biométrico integrado na tela não é Apple e muito menos Samsung, a pioneira foi a chinesa Vivo.

Por | @viniischulz CES 2018 Pular para comentários

O aparecimento dessa tecnologia já era esperado para 2018, porém o fato é que a grande maioria do público, imaginava que as gigantes como Apple e Samsung é que seriam as pioneiras ao apresentar o recurso de sensor de impressões digitais integrado a própria tela. Porém não foi bem assim que aconteceu e a empresa chinesa Vivo, foi a primeira a apresentar a tecnologia que dispensa botões ou espaços na tela para o sensor biométrico.

O repórter Vlad Savov, do The Verge, testou o dispositivo, e segundo ele, a sensação de usar o leitor biométrico debaixo da tela é muito natural, assim como acontece nas versões com sensores capacitivos. O único comentário que Savov fez, foi que em comparação com os modelos tradicionais, tanto na hora de registrar a digital, como na hora de desbloquear o smartphone, é possível notar que a nova versão com o sensor abaixo da tela, é um pouco mais lenta, porém nada que possa comprometer a experiência, relata o repórter.

O sensor que a Vivo utilizou já vem sendo desenvolvido há algum tempo pela Synaptics, que inclusive figurou diversos rumores, envolvendo até mesmo Apple e Samsung, todos relacionados ao sensor biométrico sob a tela, por isso a ideia inicial de que esse anúncio seria feito por uma dessas marcas. O sensor biométrico da Synaptics, funciona analisando as lacunas entre os pixels de uma tela OLED (LCDs não funcionariam pela necessidade de uma luz de fundo), escaneando o padrão exclusivo de sua epiderme.

Leia também:

Essa tecnologia deveria ser empregada ao Galaxy S8, porém por falta de tempo ela não pode ser adicionada de forma adequada. O sensor chamado de Clear ID pela Synaptics, atualmente já é produzido em massa e é muito provável que a próxima geração de smartphones traga esse tipo de leitor biométrico em maior quantidade para o público geral.

Comentários