O designer como influenciador no respeito ao planeta

Como o design pode ajudar o planeta na busca de seu equilíbrio?

Por | @oficinadanet Softwares
Todos os dias acompanhamos na televisão, nos jornais e revistas as catástrofes climáticas e as mudanças que estão ocorrendo, rapidamente, no clima mundial. Nunca se viu mudanças tão rápidas e com efeitos devastadores como tem ocorrido nos últimos anos.

A Europa tem sido castigada por ondas de calor de até 40 graus centígrados, ciclones atingem o Brasil (principalmente a costa sul e sudeste), o número de desertos aumenta a cada dia, fortes furacões causam mortes e destruição em várias regiões do planeta e as calotas polares estão derretendo (fator que pode ocasionar o avanço dos oceanos sobre cidades litorâneas). O que pode estar provocando tudo isso? Os cientistas são unânimes em afirmar que o aquecimento global está relacionado a todos estes acontecimentos.  

Pesquisadores do clima mundial afirmam que este aquecimento global está ocorrendo em função do aumento da emissão de gases poluentes, principalmente, derivados da queima de combustíveis fósseis (gasolina, diesel, etc), na atmosfera. Estes gases (ozônio, dióxido de carbono, metano e, principalmente, monóxido de carbono) formam uma camada de poluentes, de difícil dispersão, causando o famoso efeito estufa. Este fenômeno ocorre, pois, estes gases absorvem grande parte da radiação infravermelha emitida pela Terra, dificultando a dispersão do calor.

O desmatamento e a queimada de florestas e matas também colaboram para este processo. Os raios do Sol atingem o solo e irradiam calor na atmosfera. Como esta camada de poluentes dificulta a dispersão do calor, o resultado é o aumento da temperatura global. Embora este fenômeno ocorra de forma mais evidente nas grandes cidades, já se verifica suas conseqüências em nível global.    

E o que nós designers, podemos fazer para ajudar de forma concreta na luta contra o terrível o aquecimento global?

Como formadores de conceito, podemos influenciar as pessoas criando novos padrões de uso de ferramentas diárias, como alertar ao uso de impressões desnecessárias, incentivar o uso de papel e objetos recicláveis, usar da comunicação visual de impacto para mostrar os efeitos desastrosos das conseqüências do aquecimento global, etc.

Temos a capacidade de persuadir o público a quem nos destinamos e assim podemos usar dessa ferramenta para ajudar ao meio ambiente, tornando as pessoas mais educadas em relação a este assunto. Esperamos que nossos filhos, netos e bisnetos possam nascer em um mundo capaz de dar-lhes o que necessitarem para viver, como água, oxigênio, temperaturas em níveis normais e só poderemos concluir que isso acontecerá se começarmos de agora. O que nos falta para começarmos a respeitar o meio ambiente? Pequenas coisas que somadas se formam desastres podem ser contornadas com um simples ato como não jogar lixo no chão, não varrer a calçada com a água da mangueira, fechar a torneira ao escovar os dentes e o chuveiro ao se ensaboar, inserir pets no telhado permitindo a entrada de luz natural e infinitas mais.

Precisamos unir nossas forças e criarmos a idéia de que fazemos parte deste todo e não que este todo nos pertence.        

Vamos levantar e fazer agora o que o planeta precisa: da nossa ajuda. Ou deixaremos asfixia e fome para as próximas gerações?

Pensamento consciente, meus amigos!
Um grande abraço,
Eduardo Lima

Apoio: http://www.suapesquisa.com/geografia/aquecimento_global.htm

Mais sobre: design meio ambiente respeito
Share Tweet
Recomendado
Comentários
Carregar comentários
Destaquesver tudo