Apple lança MacBook Pro de 16 "com novo teclado, CPUs Intel de 9a geração e GPUs AMD de 7nm

O novo notebook traz de volta o "esc" como tecla, mas mantém o touchscrenn na fileira superior do teclado. Praticamente todos outros aspectos receberam upgrades também.

Por Apple Pular para comentários
MacBook Pro 16
MacBook Pro 16

A Apple revela agora o novo MacBook Pro de 16 polegadas, simplesmente o mais potente notebook da empresa americana até o momento. Um detalhe muito importante é o retorno da tecla "esc" que havia sido substituída pela barra touchscreen que ainda se mantém para o restante da fileira do teclado.

A tela de 16" é de Retina e possui uma resolução 3,072 x 1,920px (226ppi). Cada display é calibrado de fábrica e promete cobertura de cores full DCI-P3. O novo teclado Magic Keyboard é desenhado para uma digitação sem barulho com pressão responsiva de cada tecla.

A tecla "esc" ou Escape Key volta para a fileira superior ao lado da barra touchscreen que substitui as teclas restantes. Ainda há um sensor touch ID no final da barra. Para dentro do computador, há duas opções de processadores de nona geração Intel, CPU de 6 ou 8 núcleos, dando ao notebook duas versões de compra. O chip mais caro octa-core traz também o Turbo Boost para até 5GHz.

Teclado novo do MacBook Pro 16- Imagem: Divulgação
Teclado novo do MacBook Pro 16"- Imagem: Divulgação

O novo MacBook Pro também é o primeiro a trazer a mais nova GPU AMD 7nm. Os AMD Radeon Pro 5300M e 5500M vem com 4GB de VRAM como padrão, com a possibilidade de upgrade para 8GB também. A empresa promete uma performance 80% mais rápida para edição de vídeos e 60% mais rápida para games em comparação a versões anteriores do MacBook Pro.

Os coolers também foram redesenhados para atingir uma circulação de ar 28% superior, reforçada por um dissipador de calor 35% superior. A nova configuração de resfriamento permite acomodar TDP 12W superior para acomodar as novas GPU e CPU.

A configuração base começa com 16Gb de DDR4 RAM com SSD de 512GB. Mas é possível configurar o notebook para até 64GB de RAM e 8T de SSD, sendo que apenas o upgrade de armazenamento custa US$ 2.000.

A bateria é de 100Wh, a maior em um MacBook até então, durante uma hora a mais do que a geração anterior do Pro, um total de 11 horas de navegação web. Ainda há carregamento 96W e um cabo USB-C 2m

O preço mínimo para essa máquina é de US$2,400, R$ 8.391,80. Mas esse preço pode crescer até US$ 6,100, R$ 25.594,99, dependendo das configurações opcionais de hardware;

Leia também: As melhores placas mãe para processadores Intel (de R$330 até R$3000) | Dezembro 2019. Acompanhe as últimas notícias de tecnologia aqui no Oficina da Net. Sempre trazendo conteúdos novos e produtos interessantes.

Compartilhe com seus amigos:
Comentários:
Carregar comentários