Rumores indicam que Apple vai começar a produzir headset de RA no próximo ano

Especulações dão conta que o gadget pode ser uma espécie de Daydream, em que o usuário conecta o smartphone para ser a central de processamento do headset.

Por Apple Pular para comentários

A Apple, após disponibilizar vários recursos de realidade aumentada para o iPhone, deverá também trazer ao mercado de AR um headset próprio. A companhia, como de costume, não falou sobre o assunto, porém, conforme o analista Ming-Chi Kuo, a Maçã deve lançar um novo hardware direcionado para a tecnologia em 2019.

Informações do 9to5Mac, dão conta que o chamado Apple Glasses pode ser apresentado neste ano e pode começar a ser produzido em massa em 2020, funcionando juntamente com o iPhone.

Especulações dão conta que o gadget pode ser uma espécie de Daydream, em que o usuário conecta o smartphone para ser a central de processamento do headset. A maior diferença está em relação ao uso, o aparelho do Google é direcionado para a realidade virtual, e o dispositivo da Apple seria destinado a realidade aumentada.

Rumores indicam que Apple deve começar produção em massa de headset de realidade aumentada no próximo ano.Rumores indicam que Apple deve começar produção em massa de headset de realidade aumentada no próximo ano.

O suposto Apple Glasses pode significar um novo meio de experiência de qualidade em valor e mais acessível.

Vale mencionar que a Apple vem trabalhando em patentes sobre realidade virtual e aumentada há dez anos, porém, até então, não lançou qualquer produto relacionado ao tema.

O iOS conta com alguns recursos e aplicativos que utilizam o seu ARKit para realidade aumentada diretamente no celular, mas nada surgiu em um produto de hardware.

Tim Cook mencionou em algumas ocasiões que acredita que a RA é algo "profundo" na tecnologia em que ela "amplifica o desempenho da humanidade em vez de isolar os seres humanos".

Fonte: MacRumors

Compartilhe com seus amigos:
Rafaela Pozzebom
Rafaela Pozzebom Graduada em Letras pela UFSM e especialista em Tecnologias da Informação e da Comunicação aplicadas à educação
FACEBOOK //
Quer conversar com o(a) Rafaela, comente:
Carregar comentários