Amazon irá lançar inúmeros satélites para fornecer internet em todo o planeta

Os satélites serão dispostos em três altitudes diferentes: haverá 784 satélites a 367 milhas, 1.296 satélites a 379 milhas e 1.156 satélites a 391 milhas.

Por Amazon Pular para comentários
Amazon irá lançar inúmeros satélites para fornecer internet em todo o planeta

A Amazon possui planos de lançar 3.236 satélites na órbita baixa da Terra com a intenção de fornecer internet para "comunidades não atendidas e carentes em todo o mundo".

Outras empresas, além da Amazon, possuem planos de usar uma rede de milhares de satélites para fornecer banda larga no mundo inteiro. Os planos envolvem o uso de satélites em órbita baixa da Terra, que podem ser operados de modo mais barato e ainda com latências mais baixas. A SpaceX é uma das empresas que possui planos de lançar  até 12 mil satélites do tipo. A OneWeb pretende lançar 650 satélites e o Facebook está desenvolvendo um satélite de internet próprio.

Todas as empresas integram o Projeto Kuiper, sendo que os satélites serão dispostos em três altitudes diferentes: haverá 784 satélites a 367 milhas, 1.296 satélites a 379 milhas e 1.156 satélites a 391 milhas. 

Amazon irá lançar inúmeros satélites para fornecer internet em todo o planeta.Amazon irá lançar inúmeros satélites para fornecer internet em todo o planeta.

Os satélites irão oferecer internet a locais que variam de 56 graus ao norte (aproximadamente no meio da Escócia) até 56 graus ao sul (que está abaixo da ponta mais meridional da América do Sul). A área em questão cobre mais de 95% da população da Terra.

"O Projeto Kuiper é uma nova iniciativa para lançar uma constelação de satélites de órbita terrestre baixa que fornecerá conectividade de banda larga de baixa latência e alta velocidade para comunidades não atendidas e carentes em todo o mundo. Este é um projeto de longo prazo que prevê atender a dezenas de milhões de pessoas que não têm acesso básico à Internet de banda larga. Estamos ansiosos para nos associarmos a essa iniciativa com empresas que compartilham essa visão comum", disse um porta-voz da Amazon.

A Amazon não revelou ainda se pretende construir seus próprios satélites ou comprá-los de terceiros. Além disso, não há informações de como serão colocados em órbita.

O projeto terá que contar com uma rede de estações terrenas para que os satélites possam se comunicar. Ainda não há um prazo de quando os satélites serão colocados em órbita.

Fonte: The Verge

Compartilhe com seus amigos:
Rafaela Pozzebom
Rafaela Pozzebom Graduada em Letras pela UFSM e especialista em Tecnologias da Informação e da Comunicação aplicadas à educação
FACEBOOK //
Quer conversar com o(a) Rafaela, comente:
Carregar comentários
Últimas notícias de Amazon