Oficina da Net Logo

Amazon não vai mais vender produtos da Nest, empresa pertence a Google

A concorrência entre as duas está cada vez mais evidente.

Por | @fsbeling Amazon Pular para comentários

A rivalidade entre a Amazon e a Google começou a ficar mais aparente a medida em que as duas companhias começaram a produzir determinados dispositivos equivalentes, como por exemplo, os auto-falantes inteligentes.

Assim como já anunciado pela equipe de varejo da Amazon no final do ano, a empresa teria deixado claro que não listaria mais nenhum dos novos produtos anunciados recentemente pela Nest, no caso, o novo sistema de segurança doméstica Nest Secure e o novo termostato, de acordo com informações obtidas pelo Business Insider.

Além disso, a Amazon teria informado a Nest de que a decisão teria vindo do “topo”, se referindo ao CEO da Amazon, Jeff Bezos, uma vez que não teria relação direta com a qualidade dos produtos no site, que sempre receberam avaliações positivas.

Venda de produtos da Nest na Amazon está com os dias contadosVenda de produtos da Nest na Amazon está com os dias contados Leia em destaque: Amazon está vendendo eletrônicos no Brasil .

Desta forma, a Nest optou por não mais comercializar seus produtos na Amazon, assim que cessarem os estoques de mercadoria, a parceria entre as duas acaba. Vale ressaltar que a venda dos produtos de outros concorrentes como a August e a Lighthouse ainda estão disponíveis na loja sem qualquer restrição.

A concorrência entre as duas companhias não é recente, as empresas já se enfrentam desde 2015 quando a Amazon optou não mais vender o Chromecast em sua loja por não disponibilizar suporte ao Prime Vídeo.

No ano passado, o YouTube deixou de funcionar no alto-falante inteligente Echo Show, ao explicar a situação, a empresa informou que o dispositivo violava os termos de uso do serviço, em resposta, a Amazon deixou de vender vários produtos da Nest, empresa pertecente a Alphabet, que foi integrada ao Google recentemente.

As duas empresas também concorrem nos mercados de dispositivos para streaming (Fire Stick TV x Chromecast) e nos assistentes pessoais (Alexa x Assistente). Além disso, a Amazon também conta com uma loja de aplicativos para Android. Agora, com este comportamento fica cada vez mais evidente que a concorrência entre as duas só vem aumentando.

Comentários