Oficina da Net Logo

WhatsApp entra em guerra judicial com apps que usam suas APIs

De acordo com informações do Facebook, o WhatsApp é usado pra enviar cerca de 65 bilhões de mensagens por dia.

Por | @oficinadanet WhatsApp

De acordo com relatos de alguns desenvolvedores, o WhatsApp começou a usar o seu departamento jurídico com o objetivo de intimidar pessoas que desenvolvem versões alternativas ou complementos para seu aplicativo.

Ao que tudo indica, o alvo principal são as empresas e desenvolvedores que criam ferramentas legítimas. Uma das companhias que estão sendo pressionadas pelo WhatsApp é a DirectCHat. A empresa relatou no Reddit que recebeu uma carta do departamento jurídico do mensageiro que encerre o desenvolvimento de sua ferramenta.

O DirectChat é bastante usado na comunidade Android já que oferece uma interface no estilo ChatHead para vários aplicativos. Para completar, os desenvolvedores seguem as diretrizes impostas pelo Google e atual de modo legal como uma espécie de complemento.

De qualquer forma, para o WhatsApp, o DirectChat está violando as suas APIs e deve acabar com o suporte ao mensageiro.

WhatsApp entra em guerra judicial com apps que usam suas APIs.WhatsApp entra em guerra judicial com apps que usam suas APIs.

Não tempos qualquer informação de que o DirectChat irá abandonar o suporte ao WhatsApp. Porém, rumores dão conta que a maioria dos desenvolvedores que receberam notificações já estão esperando por uma notícia ruim.

Vale mencionar que o WhatsApp pertence ao Facebook, ou seja, está ligado a um nome forte no mercado tecnológico. Além disso, o mensageiro possui um grande aparato do departamento jurídico, o que pode impedir que outros aplicativos tenham acesso até mesmo as notificações do mensageiro.

WhatsApp

De acordo com informações do Facebook, o WhatsApp é usado pra enviar cerca de 65 bilhões de mensagens por dia. Para completar, as pessoas utilizaram a plataforma para falar por 2 bilhões de minutos em chamadas de voz ou vídeo.

Para completar, o WhatsApp possui cerca de 1,5 bilhão de usuários mensais ativos. Através dos números é possível ver que realmente o mensageiro é bastante popular no mundo todo.

COMPARTILHE
Comentários
Carregar comentários