Oficina da Net Logo

WhatsApp será bloqueado para menores de 16 anos na Europa

A nova regulamentação imposta pela União Europeia tem como objetivo proteger os dados de todos os cidadãos na internet.

Por | @oficinadanet WhatsApp Pular para comentários

Ao que tudo indica, os problemas em relação ao vazamento de dados do Facebook gerou reações extras. Os países da união Europeia começaram a colocar em prática a nova Regulamentação Geral de Proteção de Dados (GDPR), que estabelece normas rígidas para empresas de tecnologia. O Facebook, fora da União Europeia, não irá seguir tais regras, por isso acabou sendo criticado.

Seguindo a nova realidade no bloco europeu, o WhatsApp decidiu nesta semana que a empresa irá se dividir em duas para seguir as novas normas. Assim sendo, a empresa desenvolveu o WhatsApp Ireland Limited que irá atuar na operação europeia.

O mensageiro, para completar, irá implementar mudanças em sua política de dados. A primeira a ser adotada é que os usuários europeus e também de outros países poderão baixar tudo o que o WhatsApp mantém armazenado sobre  a sua vida dentro do aplicativo.

Facebook irá adotar medidas diferenciadas na Europa. Por lá, menores de 16 anos não poderão ter uma conta no WhatsApp.Facebook irá adotar medidas diferenciadas na Europa. Por lá, menores de 16 anos não poderão ter uma conta no WhatsApp. Leia em destaque: Como fazer figurinhas para WhatsApp com suas fotos?.

Leia também:

A outra mudança, que deverá gerar desconforto entre alguns usuários europeus, é que os menores de 16 anos não poderão ter uma conta no mensageiro. O WhatsApp não informou como irá fazer para impedir a utilização pelos menores, bem como que ferramenta será usada para isso. Vale mencionar que fora da União Europeia, o WhatsApp está liberado para todos os usuários maiores de 13 anos.

A nova regulamentação imposta pela União Europeia tem como objetivo proteger os dados de todos os cidadãos na internet. Por conta disso, outras empresas também estão precisando se adequar à nova realidade, tudo isso para atender o público com ainda mais segurança.

A Apple, por exemplo, prometeu que irá seguir as regras com consumidores de todo o mundo, levando em consideração que a regulamentação é um marco importante na relação entre usuários e empresas de tecnologia.

MAIS SOBRE: #Facebook  #whatsapp  #usuarios  #dados
Comentários
Carregar comentários