Olá pessoal, bem-vindos ao Roda Liso do Oficina da Net. Sabe que estava por aqui o Moto G5S e pensei, por que não testar um smartphone de 2017, para ver se ele ainda dá conta de rodar os games atuais. Tudo bem que esse aparelho é um modelo intermediário, com especificações modestas para a atualidade, porém, ainda é comercializado, e como vocês aclamaram por mais aparelhos de entrada e intermediários, estamos buscando trazer esses modelos aqui, justamente para vocês poderem tirar as dúvidas se eles rodam ou não os games.  O G5S teve review aqui no Oficina da Net.

A lista de jogos que vamos testar é:

  • Arena Of Valor
  • Ark
  • Asphalt 9
  • Free Fire
  • PES 2019
  • PUBG
  • Standoff 2

 

Moto G5S é bom para jogos?

O Moto G5S roda Android Oreo na versão 8.1. O processador é um Snapdragon 430, com quatro núcleos de 1.4GHz e mais quatro de 1.1 GHz. A GPU integrada é uma Adreno 505, com 450MHz de frequência. As memórias são de apenas 2GB de RAM e armazenamento de 32GB. A bateria de 3000mAh, tela de 5,2 polegadas com resolução FULLHD. Especificações completas do aparelho, você encontra aqui.

Ah, e inscreva-se em nosso canal para ver mais vídeos de testes de jogos e performance em smartphones. Esse conteúdo aqui é EXCLUSIVO de nosso canal, deixe um like para que pessoas ainda interessadas em comprar o Moto G5S possam ver o desempenho dele nos jogos. Sem mais delongas, vamos aos relatórios.

Moto G5S roda Arena of Valor?

O primeiro game analisado foi o Arena of Valor. O Moto G5S manteve os 30 frames a uma estabilidade de 87%. O consumo de bateria durante o teste ficou na média de 771mA. Isso significa que no Moto G5S você terá aproximadamente 3 horas e 50 minutos de autonomia da bateria para jogar. Nesse período a média de uso do processador ficou em 17%, e a memória em 609MB. Em termos de uso de dados, ele baixou 20MB e fez upload de 560KB.

Relatório Arena of Valor:

[GPERF]98[/GPERF] 

Arena of Valor RODA no Moto G5S, com gráficos no máximo. É um game que está bem otimizado, e para quem gosta do gênero, pode ficar tranquilo que vai conseguir jogar.

 

Moto G5S roda Asphalt 9?

O segundo game analisado foi o Asphalt 9. O Moto G5S manteve os 29 frames a uma estabilidade de 90%. O consumo de bateria durante o teste ficou na média de 655mA. Você terá aproximadamente 4 horas e 30 minutos de autonomia da bateria para jogar Asphalt 9. Nesse período a média de uso do processador ficou em 13%, e a memória em 466MB. Em termos de uso de dados, ele baixou 2MB e fez upload de 80KB.

Relatório Asphalt 9:

[GPERF]99[/GPERF] 

Asphalt 9 RODA no Moto G5S, com gráficos no padrão.

 

Moto G5S roda ARK?

O terceiro jogo analisado foi ARK. Durante nosso teste, ele usou 19% de processador, consumiu 458MB de memória, baixou 3KB e fez upload de 5KB. Rodou a apenas 15FPS com estabilidade de 60%, e usou 847mA de bateria. A autonomia é de 3 horas e 30 minutos.

Relatório ARK:

[GPERF]100[/GPERF] 

ARK não roda no Moto G5S com gráficos no mínimo. Colocamos a menor resolução possível, e o máximo de frames que conseguimos foram esses 15 aí. Então, se quiser não passar por uma experiência horrível, não instale o jogo.

 

Moto G5S roda PES 2019?

Por falar em experiência ruim, o quarto jogo analisado foi PES 2019. Durante nosso teste, ele usou 25% de processador, consumiu 617MB de memória, baixou 78K e fez upload de 30K. Rodou a 11FPS com estabilidade de 83%, e usou 941mA de bateria. A autonomia é de 3 horas e 10 minutos.  Aliás, não vai ter autonomia, por que esses 11 fps aí, é terrível jogar.

Relatório PES 2019:

[GPERF]101[/GPERF] 

PES 2019 não roda no Moto G5S.

 

Moto G5S roda PUBG?

Outro game analisado, e não poderia faltar é PUBG Mobile. O teste foi com gráficos no mínimo, taxa de quadros alta e resolução FULL HD. O processador teve uso médio de 24% e memória de 776MB. Durante o jogo foram baixados 5MB de dados e upload de 2MB. PUBG rodou com 30FPS, e estabilidade de 61%. A autonomia da bateria é de 3 horas e 20 minutos, e o consumo médio foi de 900mA.

Relatório PUBG:

[GPERF]102[/GPERF] 

PUBG foi testado com FPS liberado, e rodou apenas a 30FPS, enquanto o máximo era 60fps. Portanto PUBG NÃO RODA adequadamente no Moto G5S. Essas quedas de frames também prejudicam a experiência, mas você vai conseguir jogar se não se importar com apenas 30fps.

 

Moto G5S roda Standoff 2?

Analisamos também o Standoff 2. Ele usou 10% de processador, consumiu 551MB de memória, baixou 6MB e fez upload de 1MB. Rodou a 20FPS apenas com estabilidade de 97%, e usou 837mA de bateria. A autonomia é de 3 horas e 35 minutos.

Relatório Standoff 2:

[GPERF]103[/GPERF] 

Standoff 2 também não rodou no Moto G5S. Esse game é crucial ter bastante fps, então não aconselho jogar.

 

Moto G5S roda Free Fire?

O último jogo analisado foi Free Fire. Usou 15% de processador, consumiu 669MB de memória, baixou 500KB e fez upload de 250KB. Rodou a 26FPS com estabilidade de 86%, e usou 1027mA de bateria. A autonomia é de 3 horas.

Relatório Free Fire:

[GPERF]104[/GPERF] 

Olha aí um celular que NÃO RODOU FREE FIRE do jeito que deveria. O game não libera a opção de liberar os frames. Então ele ficou trancado em 30, ainda assim, não conseguiu manter os 30, ficando em 26 e com estabilidade ruim.

 

Veredicto

No veredicto do Roda Liso no Moto G5S, podemos afirmar que o smartphone foi mal em praticamente todos os games. Com exceção do Arena of Valor e incrivelmente o Asphalt 9, ele não rodou os outros. Notei também aquecimento forte nele, por diversas vezes ele chegou a 60ºC, e como a carcaça do aparelho é de metal, esse aquecimento propaga fácil por toda extensão traseira o que acaba deixando desconfortável jogar, pois suas mãos também esquentam.

[GPERF]98_lst[/GPERF]

Fortnite roda no Moto G5S?

Fortnite foi testado, e não deixou instalar o jogo, portanto, Fortnite NÃO RODA no Moto G5S.

E aí, gostou do nosso teste de games no Moto G5S? Peço que deixe um comentário sobre o que achou do teste, e qual smartphone gostaria de ver por aqui. 

* Os testes foram feitos utilizando o app e plataforma GameBench.