Oficina da Net Logo

Presidente da Samsung Electronics é acusado de sabotagem sindical

Os promotores dizem que a Samsung possui a política contínua de não tolerar sindicatos.

Por | @oficinadanet Samsung

O presidente do conselho de administração da Samsung Electronics, Lee Sang-hoon, foi indiciado por supostamente ter sabotado sindicatos, o que os promotores dizem ser uma violação das leis trabalhistas da Coreia do Sul, informa o Financial Times.

Lee se tornou presidente em março deste ano, e agora será julgado juntamente com outros 31 executivos da Samsung e de suas afiliadas. Vale mencionar que este é o caso mais recente de uma vasta série de acusações de corrupção contra executivos da companhia.

Lee Sang-hoon. (Foto: Divulgação)Lee Sang-hoon. (Foto: Divulgação)

Os promotores dizem que a Samsung possui a política contínua de não tolerar sindicatos, o que fez com que somente menos de 300 dos 200.000 mil funcionários sul-coreanos se tornassem membros dessas organizações.

» Mais notícias da Samsung

Lee está sendo acusado de sabotar um sindicato trabalhista que foi formado em 2013, quando ele era CFO. Os promotores descreveram como “um crime organizado que mobilizou a empresa em sua capacidade total”.

Os executivos estão sendo acusados  de ameaçar cortar salários dos funcionários e remover os negócios dos subcontratados que apoiavam a sindicalização.

Lembre qua o Vice Presidente da Samsung foi sentenciado a 5 anos de prisão por suborno.

Fonte: Financial Times. Via: The Verge

MAIS SOBRE: #samsung  #sindicato  #justiça
Comentários
Carregar comentários
Siga o nosso Instagram!

Estamos lá também: @oficinadanetoficial

Seguir o Instagram do Oficina da Net