Amazon chega ao Brasil para venda de E-Books

Após fechar acordo com a DLD, gigante americana assina agora também com Cia. das Letras e Globo Livros. Intrínseca também está na lista.

Por | @alexscs Negócios

O site Amazon irá realizar a comercialização de obras digitais dos livros publicados pela Companhia das Letras (que possui quase 600 livros em seu cátalogo digital) e Globo Livros. O anúncio foi feito pelas próprias editoras na última sexta-feira (30/11). Assim, a gigante americana amplia suas parcerias no mercado editorial brasileiro para iniciar sua s operações.

A Amazon já havia fechado acordo com a distribuidora de livros DLD, que engloba as editoras Rocco, Sextante, Objetiva, Planeta, LP&M e Record. Além disso, houve acordo também com a Editora Intrínseca, que detém os direitos de um dos títulos mais vendidos do momento, "Cinquenta Tons de Cinza", além da saga “Crepúsculo”.

A Intrínseca confirmou que seus livros estarão, além da Amazon, também na Google Play e na Livraria Cultura. O site brasileiro da Amazon vai estrear apenas com livros digitais e mais o e-reader Kindle. Isso deve acontecer ainda na primeira quinzena de dezembro. A tentativa de entrar no mercado brasileiro já ocorria há dois anos, mas enfrentava resistência das editoras, que ficaram receosas com o preço que poderia ser cobrado pelos e-books, prejudicando as vendas das versões de papel. Estima-se, porém, que a versão digital custará 30% a menos do que as obras impressas. Relatos dão conta que o plano da Amazon era diminuir em até 70% no início.

Vale lembrar que, nessa quarta-feira, começam as vendas do concorrente Kobo, um e-reader canadense que será vendido em parceria com a Livraria Cultural. Isso aceleraria os planos da Amazon para essa semana.

Mais sobre: amazon brasil
Share Tweet
Recomendado
Comentários
Carregar comentários
Destaquesver tudo