Compartilhar Wi-Fi entre vizinhos pode render multa de R$ 10 mil

A internet banda larga não é mais privilégio de poucos, cada vez mais ela vem se popularizando, com isso, o valor do serviço também está mais acessível.

Por | @RafaelaPozzebon Negócios

A internet banda larga não é mais privilégio de poucos, cada vez mais ela vem se popularizando, com isso, o valor do serviço também está mais acessível. Mesmo com os valores mais acessíveis,  uma prática muito comum entre vizinhos é compartilhar o sinal e, no geral, dividir o valor da fatura. O que poucos sabem é que essa atitude é considerada ilegal e pode gerar multa de até R$ 10 mil.

Conforme a Agência Nacional de Telecomunicações, a Anatel, ao ser instalado uma rede Wi-Fi por um assinante, ela não pode ir além do perímetro da residência. Além do mais, o assinante fica proibido de comercializar o seu sinal.

No geral, a Anatel somente irá fazer a fiscalização após alguma denúncia, o que acaba sendo muito difícil. No entanto, poderá ocorrer caso alguém sinta-se prejudicado, como a própria operadora ou mesmo os vizinhos que não acham correto esse compartilhamento.

O valor da multa sobre o chamado “gato de internet” não costuma ser divulgado pelas operadoras, para tanto, em alguns casos poderá chegar a R$ 10 mil. “A preocupação dos provedores não é tanto com os usuários pessoa física, mas quando o compartilhamento gera um comércio”, explica Eduardo Neger, presidente da Abranet (entidade que representa os provedores de acesso).

 

Mais sobre: multa, Wi-Fi, internet
Share Tweet
DESTAQUESRecomendadoMais compartilhados
Comentários
Continue lendo
    AINDA NÃO SE INSCREVEU?

    Vem ver os vídeos legais que
    estamos produzindo no Youtube.