Qualcomm cobra na Justiça calote da Apple

Qualcomm afirma que Apple possui recursos suficientes para arcar com os pagamentos.

Por | @oficinadanet Negócios

A Qualcomm está recorrendo à Justiça para resolver um problema financeiro envolvendo a Apple no mercado de smartphones. A Apple teria instruído que fornecedoras parceiras que atuam na produção de seus celulares e tablets não fizessem o apagamento de royalties para a Qualcomm, o que, claro, não agradou a companhia.

Qualcomm vs Apple?Qualcomm vs Apple?De acordo com o The Verge, um documento registrado judicialmente na quarta-feira (24), revela que a Qualcomm solicitou que os órgãos jurídicos responsáveis pudessem obrigar de modo formal as empresas Foxconn, Pegatron, Wistron e Compal, que estão sendo processadas por quebra de contrato.

Conforme o relato, as perdas da empresa responsável pelo desenvolvimento de processadores e também outros componentes para smartphones e tablets acabam ultrapassando o valor de US$ 500 milhões somente no último bimestre, especialmente pelo calote.

A Apple, por sua vez, se posicionou sobre o assunto e criticou as altas taxas cobradas pela Qualcomm para o uso de patentes que são licenciadas ao longo dos anos. De acordo ainda com a Maçã, a Qualcomm utiliza a sua posição dominante no setor de fabricação de peças para poder cobrar tais valores.

Tim Cook, CEO da Apple, diz que a Qualcomm está cobrando a Apple por uma porcentagem do valor total de um iPhone.

A Qualcomm, no entanto, afirma que a Apple está usando a sua grandeza para forçar um acordo injusto entre as partes. O documento, inclusive, menciona que a Apple possui recursos ilimitados, sendo que somente as reservas financeiras da empresa somam US$ 256 milhões.

Mais sobre: Qualcomm Apple iPhone
Share Tweet
Recomendado
Comentários
Carregar comentários
Destaquesver tudo

Siga nossas contas no Twitter