Mulheres ainda são a minoria nos cargos de liderança no setor tecnológico

Cargos de liderança ainda são ocupados pela maioria masculina. Será que algum dia irá mudar?

Por Negócios Pular para comentários
Mulheres ainda são a minoria nos cargos de liderança no setor tecnológico

Como todos sabem, hoje, dia 8 de março, é comemorado o Dia Internacional da Mulher. Ao longo dos anos, as mulheres conquistaram várias coisas, porém, a igualdade entre gêneros parece que ainda está longe de acabar. Prova disso é que as mulheres representam a minoria no setor tecnológico.

De acordo com uma pesquisa realizada pelo LinkedIn em dez países, ainda existe muita desigualdade em vários setores da economia.

Sim! O mundo está mudando! Mesmo com um percentual mais baixo do que de homens no setor tecnológico, as mulheres, cada vez mais ganham espaço.Sim! O mundo está mudando! Mesmo com um percentual mais baixo do que de homens no setor tecnológico, as mulheres, cada vez mais ganham espaço.

 

O setor tecnológico, conforme o estudo, foi o que mais evoluiu em busca de um aumento na diversidade de gênero. Hoje em dia, as mulheres ocupam 30% das posições disponíveis no mercado. Em relação aos cargos de liderança, a porcentagem de profissionais do sexo feminino chega a apenas 20%.

Os setores ligados à educação e organizações sem fins lucrativos são os que contam com uma maior participação feminina, sendo que 47% dos cargos de liderança são ocupados por elas. Na aviação, porém, o índice cai para apenas 18%.

Vale mencionar que várias empresas de tecnologia, ao longo dos anos, têm investido no aumento da participação de mulheres no setor. A Microsoft, por exemplo, chegou a criar programas de incentivos para mulheres que se interessem e ainda possam desenvolver as suas habilidades em áreas ocupadas principalmente por homens.

Compartilhe com seus amigos:
Rafaela Pozzebom
Rafaela Pozzebom Graduada em Letras pela UFSM e especialista em Tecnologias da Informação e da Comunicação aplicadas à educação
FACEBOOK //
Quer conversar com o(a) Rafaela, comente:
Carregar comentários
Últimas notícias