Oficina da Net Logo

Plugin Flash do Chrome começa a ser abandonado pelo Google

O Google informou que irá manter uma lista de domínios que ainda dependem do Flash, como o YouTube, Facebook, Twitch, entre outros.

Por | @oficinadanet Internet Pular para comentários

O Google anunciou uma nova medida para impulsionar o HTML5. Assim sendo, o Flash Player começa a ser banido de vez da rede mundial de computadores pelas principais empresas de tecnologia.

Google deve abandonar o Plugin Flash para utilizar exclusivamente o padrão HTML5.
          Google deve abandonar o Plugin Flash para utilizar exclusivamente o padrão HTML5.                   

O Google Chrome, a partir do quarto trimestre do ano, começará a desabilitar o Flash por padrão. Com isso, quando uma página tentar ativar algum recurso utilizando o plugin, como anúncios publicitários e vídeos, terá que solicitar que o usuário clique na animação para que possa ser reproduzida. Leia em destaque: O que são os cookies do navegador?.

Flash costuma ser porta de entrada para malwares, já que ao longo do tempo foram descobertas várias falhas de segurança.
Flash costuma ser porta de entrada para malwares, já que ao longo do tempo foram descobertas várias falhas de segurança. Com isso, hackers costumam aproveitar as vulnerabilidades para instalar malwares em computadores sem que os usuários percebam.

O Google informou que irá manter uma lista de domínios que ainda dependem do Flash, como o YouTube, Facebook, Twitch, entre outros. Porém, após um ano, esta lista será removida e todos os sites deverão adotar o padrão HTML5 para poderem continuar usando as suas animações.

Ao longo do tempo, o Flash Player teve várias falhas de segurança descobertas, que permitiam o acesso de hackers e também a propagação de malwares.

Com a adoção do HTML5, consequentemente, haverá mais segurança no acesso a diversos sites. 

html

Comentários
Carregar comentários
  • NEWSLETTER

    As novidades de tech no seu
    e-mail, inscreva-se grátis ;)