Apple registra primeira queda trimestral em quase uma década

O lucro líquido da companhia, no primeiro trimestre, caiu 22%, chegando a US$ 10,5 bilhões. A receita da companhia teve queda de 13%, atingindo US$ 50,6 bilhões.

Por | @RafaelaPozzebon Negócios

Na terça-feira (26), a Apple revelou uma queda de 16% das vendas trimestrais do seu iPhone, assim, a primeira desde o lançamento do primeiro produto, há 9 anos.

Entre janeiro e março deste ano a companhia da maçã comercializou 51,2 milhões de iPhones. Na mesma época do ano anterior o total de vendas foi de 61,2 milhões de unidades. No entanto, mesmo com a queda, as vendas ficaram acima das estimativas de analistas que foram ouvidos pela agência Reuters, que era de 50 milhões de aparelhos.

Apple registra primeira queda trimestral em quase uma década
Especialistas temem que iPhone tenha atingido o auge e que não produza mais lucros para a companhia.

Leia também:

O lucro líquido da companhia, no primeiro trimestre, caiu 22%, chegando a US$ 10,5 bilhões. A receita da companhia teve queda de 13%, atingindo US$ 50,6 bilhões.

A Apple registrou vários anos de vendas positivas, por conta disso, muitos investidores temem que o iPhone possa ter atingido o seu auge, e com isso, sem expectativas de um crescimento para a companhia.

Após os vários anos de crescimento intenso, desde 2015 as vendas dos aparelhos têm estagnado. No último trimestre do ano passado, as vendas de iPhone registraram aumento de apenas 0,4% em relação ao mesmo período do ano anterior. Este foi o menor crescimento desde o lançamento do aparelho, em 2007.

Para completar, na terça-feira as ações da Maçã também tiveram queda de 8% na Nasdaq, após o fechamento dos mercados. Atualmente, a empresa está avaliada em US$ 578 bilhões na bolsa de Nova York.

Agora, para o próximo trimestre, a companha espera vendas entre US$ 41 bilhões e US$ 43 bilhões. Para este ano está previsto o lançamento do iPhone 7 e do iPhone 7 Plus, que devem ser anunciados oficialmente em setembro deste ano.

Mais sobre: apple, iphone, lucro
Share Tweet
DESTAQUESRecomendado
Mais compartilhados
Comentários