Oficina da Net Logo

Balão de internet do Google cai no Chile

O Google informou que a queda já era esperada, mesmo assim, a polícia cercou a área para realizar as investigações.

Por | @oficinadanet Tecnologia Pular para comentários

Neste final de semana, um dos balões de internet do Google, que faz parte do Project Loon, acabou caindo em uma fazenda no Chile. As autoridades estão investigando o caso. O incidente ocorreu nas proximidades da cidade de Los Ángeles, que fica a 500 quilômetros ao sul da capital Santiago.

Google afirma que queda de balão foi planejada e estava sendo observada para não oferecer riscos. Mesmo assim, autoridades chilenas irão investigar o episódio.
Google afirma que queda de balão foi planejada e estava sendo observada para não oferecer riscos. Mesmo assim,  o local foi interditado e autoridades chilenas irão investigar o episódio.

O Google informou que a queda já era esperada, mesmo assim, a polícia cercou a área para realizar as investigações. A gigante disse ainda que o balão havia completado um voo de testes, e que estava  controlando para que a queda fosse harmoniosa, com uma aterrissagem segura na área.

“Quando um balão está pronto para ser retirado de serviço, o gás é liberado aos poucos para trazê-lo de volta à terra em uma descida controlada. No caso improvável de um balão cair muito rápido, um paraquedas é ativado”, explica a empresa.

O Project Loon tem como objetivo levar internet a locais mais remotos do globo.
O Project Loon tem como objetivo levar internet a locais mais remotos do globo.

A empresa afirmou que o acontecimento não se trata de um acidente, e que ninguém correu riscos com a queda. Mesmo assim, as autoridades do setor de aviação chileno irão investigar o caso.

Os balões que integram o Project Loon são confeccionados com camadas de plástico e polietileno e ainda preenchidos com gás. Ele é capaz de voar por 100 dias e a uma altitude de 20 quilômetros.

De acordo com o Google, cada um dos balões pode fornecer internet 4G LTE para um diâmetro de 80 quilômetros.

Assista ao nosso último vídeo: